Em seus últimos dias de férias no Brasil, os laterais Cicinho (Real Madrid) e Roberto Carlos (Fenerbahce) estiveram em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, para anunciar uma parceria com o Olé Brasil, clube criado recentemente na cidade. Os dois jogadores usarão suas imagens para divulgar o clube e também um projeto social, que investe atualmente em cerca de 3,5 mil crianças entre 7 e 13 anos da periferia, em sete cidades. Eles nada investiram financeiramente, mas se entrar qualquer renda ou apoio financeiro a partir das divulgações de suas imagens, e até de venda de jogadores formados no clube, ambos receberão 20% cada.

"Não adianta entrar numa área comercial que não conhecemos, e sim no futebol, e vamos divulgar essa parceria aproveitando a facilidade que temos para estar na mídia", disse Cicinho. "É uma proposta séria e daqui a três a quatro anos o Olé será um exemplo para o Brasil", emendou ele. "Vamos formar e lapidar o atleta e o projeto é a curto prazo, para talvez em 2010 o clube chegar na primeira divisão.

Roberto Carlos disse que poderá divulgar a parceria usando camisetas, bonés, em suas entrevistas. "Não estamos entrando nisso para brincar", avisou. "Essa parceria é mais que uma propaganda.

O Olé Brasil é um projeto do ex-jogador Edu Zanelo (ex-Botafogo de Ribeirão, Portuguesa e Atlético-MG nos anos 1990) e do empresário Fernando Sólon. O trabalho com meninos e meninas entre 7 e 13 anos integra o programa Bom de Nota, Bom de Bola, que vai se expandir ainda para Araras e outras cinco cidades do País.