O Cimed/Malwee conseguiu importante vitória neste sábado. Em Florianópolis, a equipe catarinense superou o Brasil Vôlei Clube por 3 sets a 1, ultrapassou o Sada Cruzeiro e, assim, reassumiu a liderança da Superliga Masculina.

Depois de vencer o primeiro set e ser surpreendido no segundo, o atual líder tomou novamente o controle da partida nas duas últimas parciais. Assim, fechou em 25/15, 20/25, 25/19 e 25/22.

Na cola dos líderes, o Pinheiros/Sky derrotou de virada o Santo André por 3 sets a 1, com parciais de 17/25, 25/15, 25/21 e 26/24. O resultado manteve a equipe de Giba e Rodrigão na terceira colocação.

“A equipe vem trabalhando forte durante toda a temporada e, agora que superou os problemas de contusão, conseguiu atingir um bom ritmo de jogo. A expectativa em relação ao nosso time é alta e nosso objetivo é chegar à final”, comentou o cubano Roca, grande destaque da partida com 15 pontos.

Boa vitória neste sábado também conquistou o Sesi, ao passar pelo Ulbra/São Caetano por 3 a 0 (25/21, 25/18 e 25/19) e se manter na quarta posição.

Mais quatro partidas foram realizadas neste sábado. E com o placar de 3 a 0, o Funvic/Uptime/Cuiabá passou pelo Álvares/Vitória, o Vôlei Futuro derrotou o Lupo/Náutico/Let´s, o Fátima/Medquímica/UCS venceu o Vivo/Minas e o Volta Redonda superou o Upis/Brasília.