A belga Kim Clijsters conquistou na noite desta terça-feira o direito de seguir defendendo o título do US Open. Campeã pela segunda vez no ano passado – já havia vencido em 2005 -, a tenista se classificou para as semifinais ao derrotar a australiana Samantha Stosur por 2 sets a 1, com parciais de 6/4 e 5/7 e 6/3, após 1h54 de jogo.

Segunda favorita do Grand Slam nova-iorquino, Clijsters deu indícios de que venceria com certa facilidade no primeiro set, quando conquistou duas quebras e abriu vantagem. Mas então a quinta cabeça de chave do torneio endureceu o jogo e levou a decisão para a terceira parcial, na qual as tenistas trocaram quebras. Foram três da australiana contra quatro da belga, que levou a melhor.

Pelas semifinais, Clijsters dará a chance da revanche à norte-americana Venus Williams. Em 2009, a tenista da Bélgica eliminou a rival, também bicampeã do US Open, ainda nas oitavas de final. Pesa a favor de Clijsters o recente retrospecto favorável, já tendo vencido Venus neste ano – a última vitória da americana no confronto direto foi em 2005.