Os times de Los Angeles e o Miami Heat dominam as escalações das equipes das conferências Oeste e Leste da NBA, respectivamente, que foram anunciados na noite de quinta-feira, para o All-Star Game. A partida será disputada no dia 26 de fevereiro, em Orlando, e os titulares de cada time foram definidos através de votação popular.

A equipe da Conferência Oeste terá Blake Griffin e Chris Paul, do Los Angeles Clippers, que não tinha jogadores selecionados como titulares para o All-Star Game desde 1976. O time também terá Andrew Bynum e Kobe Bryant, ambos do Los Angeles Lakers, e Kevin Durant, do Oklahoma City Thunder. Bynum assume a vaga de pivô que foi ocupada por anos pelo chinês Yao Ming, que se aposentou no ano passado.

Bryant disputará o All-Star Game pela 14ª vez, igualando as marcas de Shaquille O’Neal, Jerry West e Karl Malone. O recordista, porém, é Kareem Abdul-Jabbar, que foi selecionado para 19 jogos e entrou em quadra 18 vezes. No último jogo, vencido pela equipe da Conferência Oeste, o astro do Lakers foi eleito o MVP pela quarta oportunidade, feito só alcançado por Bob Pettit.

LeBron James e Dwyane Wade, do Heat, foram eleitos para a equipe titular da Conferência Leste. Dwight Howard, do anfitrião Orlando Magic, foi o jogador mais escolhido, com 1,6 milhão de votos. Derrick Rose, do Chicago Bulls, e Carmelo Anthony, do New York Knicks, completam o time.

Esta foi a primeira vez desde 1997 que duas equipes tiveram dois jogadores eleitos para o time de uma conferência. Naquele oportunidade, o Houston Rockets cedeu Hakeem Olajuwon e Charles Barkley, enquanto o Seattle Supersonics teve Gary Payton e Shawn Kemp como selecionados.

Os reservas da equipes para o All-Star Game da NBA serão definidos pelos técnicos das duas conferências na próxima quinta-feira. Os brasileiros Nenê Hilário e Anderson Varejão, que estão se destacando nesta temporada, podem ser escolhidos.