A Lega Calcio, entidade que organiza as séries A e B do Campeonato Italiano de futebol, anunciou nesta terça-feira (7) que na rodada do próximo fim de semana será prestada uma homenagem às vítimas do terremoto que atingiu a região do Abruzzo, centro do país, na madrugada de segunda.

A organização determinou que em todos jogos seja respeitado um minuto de silêncio em memória das pessoas que morreram em decorrência do tremor – número que, segundo o primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, chega a 207. Além disso, os atletas de todas as equipes entrarão em campo levando uma tarja preta no braço.

A decisão da Lega Calcio valerá também para os jogos do Campeonato Primavera, disputado pelas equipes sub-20 de todos clubes das séries A e B do país.

A diretoria do Napoli, por sua vez, anunciou nesta terça que pretende doar a renda do jogo contra o Atalanta, neste sábado (11) no estádio San Paolo, em Nápoles, para as vítimas do desastre.

“O presidente Aurelio De Laurentiis, profundamente emocionado com essa terrível tragédia, decidiu, como ato de solidariedade, destinar a renda da partida entre Napoli e Atalanta às famílias vítimas do terremoto no Abruzzo”, diz um comunicado divulgado no site do clube.

O tremor, registrado na madrugada de ontem, atingiu 5,8 graus na escala Richter e teve seu epicentro na zona norte da cidade de L’Aquila.