Com gol de Neymar, em uma cobrança de pênalti com cavadinha, o Santos derrotou a Ferroviária por 3 a 0, em amistoso disputado neste domingo, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara. Alan Patrick e Breitner marcaram os outros gols santistas.

O gol de Neymar, ao estilo “El Loco” Abreu, abriu o placar do jogo aos 36 minutos de jogo. A penalidade foi sofrida por Wesley, quando invadiu a área adversária. O primeiro gol movimentou a partida, até então morna.

Dois minutos depois, Alan Patrick recebeu passe de Madson e marcou o segundo do Santos. O terceiro gol só saiu no final da partida. Breitner caprichou na cobrança de falta e anotou um belo gol, aos 44 minutos.

Neste momento, o time de Dorival Júnior já estava bem modificado em relação à etapa inicial. O técnico escalou o Santos com Rafael; Pará, Durval, Bruno Aguiar e Alex Sandro; Arouca, Wesley, Alan Patrick, Madson; Neymar e André. O meia Paulo Henrique Ganso não jogou porque ainda se recupera de uma artroscopia no joelho direito.

Depois do intervalo, Dorival mudou quase o time inteiro. Entraram nove jogadores: Maranhão, Zé Eduardo, Marcel, Roberto Brum, Breitner, Vinícius, Zezinho, Renan Mota e o goleiro Felipe, que perdeu a vaga entre os titulares pouco antes do recesso da Copa do Mundo.

Os testes fazem parte da preparação da equipe para a final da Copa do Brasil, no final do mês. O Santos fará o jogo de ida com o Vitória no dia 28, na Vila Belmiro. A partida de volta será disputada na semana seguinte, no dia 4 de agosto, no Barradão.

Curiosamente, o amistoso deste domingo marcou o retorno de Dorival Júnior a sua cidade natal. O atual técnico santista começou sua carreira como jogador justamente na Ferroviária, onde atuou entre os anos de 1982 e 83.