Foto: Allan Costa Pinto
Jogadores do Real Brasil: rolo no TJD pode prejudicar campeonato.

A 1ª fase do Campeonato Paranaense chega ao fim hoje marcada pela dúvida. Depois de transcorrer de forma até tranqüila, a competição vai depender do tapetão para definir um dos rebaixados e, talvez, o último classificado para a fase seguinte.

Tudo gira em torno do julgamento do Real Brasil, marcado para quarta-feira, no pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná. Se as punições aplicadas pela 1ª Comissão Disciplinar forem mantidas (perda de 12 pontos e dois anos de suspensão), o clube será rebaixado junto com o já condenado CAC/Portuguesa. Mas se a decisão for revertida, o time do empresário Aurélio Almeida tem chance até de se classificar. Para isso, precisa derrotar o Cascavel em São José dos Pinhais e torcer por tropeços de Engenheiro Beltrão e Londrina.

Como se não bastasse, todos os resultados do Real podem ser anulados por causa da suspensão por dois anos o que modificaria toda a tabela do Estadual.

De qualquer forma, a briga pela última vaga promete ser acirrada. A vantagem é do Engenheiro, que de técnico novo (o preparador físico Cláudio Piruá substitui Itamar Belasalma) pega em casa o Paraná Clube. Se vencer os reservas tricolores, o time do Centro-Oeste garante a vaga.

O Londrina, com a mesma pontuação e uma vitória a menos, tem que vencer a Lusinha e esperar que o Engenheiro perca pontos.

A partida pode marcar a despedida do técnico Jorge Saran, que sugeriu entregar o cargo na segunda-feira mesmo que o Tubarão avance.

Correm por fora, pela ordem, Cascavel, Cianorte e Paranavaí, que precisam de vitórias em seus compromissos e maus resultados dos times à frente deles.

Na outra ponta da tabela, Rio Branco e Iguaçu lutam para não dependerem dos tribunais para permanecerem na elite.

O Leão da Estradinha, à frente do adversário no saldo de gols, recebe o Cianorte em Paranaguá. Já o time de União da Vitória precisa pontuar diante do Coritiba, no Alto da Glória, e torcer por um tropeço dos parnanguaras.

Enquanto isso, sete equipes já estão classificadas (Atlético, Coritiba, Iraty, Toledo, J. Malucelli, Paraná e Adap Galo) e a maioria aproveitara para poupar titulares visando à próxima fase, que começa já na quarta-feira. Todos os oito jogos começam às 15h45.