Serena Williams anunciou nesta sexta-feira que não vai disputar o Torneio de Stanford, nos Estados Unidos, na próxima semana. A número 1 do mundo, que já venceu a competição três vezes, alegou dores no cotovelo direito para se ausentar desta vez. “Estou decepcionada por não poder competir em Stanford, mas eu preciso estar com meu cotovelo 100%”, justificou Serena.

A tenista norte-americana vem sofrendo com dores no local há pelo menos duas semanas. Em sua primeira competição após vencer Wimbledon pela sexta vez, ela abandonou o Torneio de Bastad, na Suécia, na segunda rodada. Serena decidiu ficar de fora em Stanford para se poupar para o restante da temporada.

Seu grande objetivo é levantar novamente o troféu do US Open, que terá início no dia 31 de agosto, em Nova York. Serena quer faturar o título para fechar o Grand Slam em 2015, por já ter vencido o Aberto da Austrália, Roland Garros e Wimbledon na atual temporada.

Sem Serena Williams, o Torneio de Stanford terá como cabeça de chave número 1 a dinamarquesa Caroline Wozniacki. Será a estreia da atual 5ª colocada do ranking na competição norte-americana. A lista das favoritas também tem a polonesa Agnieszka Radwanska e a espanhola Carla Suárez Navarro. Serena será substituída na chave pela sérvia Aleksandra Krunic.