Com um novo problema físico, Maria Sharapova também vai ficar de fora do Torneio de Toronto, no Canadá. A tenista russa já havia desistido de competir em Stanford, nos Estados Unidos, nesta semana, devido a uma lesão no braço esquerdo. A competição em Toronto será disputado na próxima semana.

“Eu sinto muito por perder o campeonato deste ano”, lamentou Sharapova, que havia recebido convite para entrar direto na chave principal. “Sou grata ao torneio pelo convite e aos meus fãs por todo o apoio.”

Atual 171ª do ranking, Sharapova não teria condições de disputar a chave principal sem um convite. Terá que disputar ao menos o qualifying, que exigiria também um convite, em razão da colocação fora do Top 100.

A russa está muito longe das primeiras posições do ranking que já ocupou porque perde todos os seus pontos ao ficar afastada do circuito por 15 meses, cumprindo punição por doping. Ela voltou a competir em abril, mas perdeu seguidas competições – e oportunidades para somar pontos – por conta de uma lesão na perna. Agora o problema é no braço.

“Estou decepcionada porque a lesão está me mantendo longe das quadras. Mas vou trabalhar duro para poder voltar a este jogo que amo o mais rápido possível”, declarou a russa, que desistiu de Stanford na quarta-feira. Seria o seu quarto torneio disputado desde o seu retorno ao circuito.