Já eliminados antecipadamente da Copa das Confederações, as seleções de México e Japão desembarcaram no início da noite desta quinta-feira no aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, para a partida de sábado, às 16 horas, no estádio do Mineirão, pela terceira e última rodada do Grupo A.

Os mexicanos, que chegaram primeiro de Fortaleza – onde foram derrotados pelo Brasil por 2 a 0 -, foram recebidos por um grupo de torcedores e se mostraram atenciosos com eles. O atacante Javier “Chicharito” Hernández, do Manchester, o meia Guardado e o goleiro Corona até deram autógrafos no saguão de desembarque.

Cerca de uma hora depois, a seleção japonesa desembarcou vinda do Recife, onde foram derrotados pela Itália por 4 a 3. Nenhum integrante da delegação quis dar entrevista e rapidamente foram para o hotel. Ainda na capital pernambucana, os jogadores não treinaram nesta quinta e só descansaram na piscina antes da viagem para Minas Gerais.

Apesar da partida já não valer mais nada para a competição, mais de 40 mil ingressos foram vendidos para o segundo jogo da Copa das Confederações em Belo Horizonte. A cidade ainda receberá, na próxima quarta, uma das semifinais – entre o primeiro colocado do Grupo A contra o segundo do Grupo B.