O Aberto de São Paulo perdeu nesta quarta-feira (7) o cabeça-de-chave número 1. Contundido, o brasileiro Marcos Daniel desistiu da partida contra João Souza, o Feijão, pelas oitavas-de-final. “No tie-break da partida contra o Fernando Vicente, numa bola boba, senti um desconforto na região do glúteo. Consegui continuar na partida e acabei vencendo. Mas a contusão se agravou e como o jogo não pode ser adiado, tive que desistir”, justificou.

Com isso, Feijão se garantiu nas quartas-de-final, quando enfrentará Franco Ferreiro. O brasileiro bateu o mexicano Bruno Echagaray por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/3. Atual campeão, Thiago Alves sofreu em sua estreia no Aberto de São Paulo. Ele venceu Rafael Camilo por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/6 (7/3) e 7/6 (8/6). Para isso, no entanto, precisou salvar quatro match points.

O israelense Harel Levy eliminou Frederic Niemeyer, que desistiu quando perdia o segundo set por 2/1 e já havia sido superado no primeiro por 6/4. Campeão em 2002, o canadense sentiu uma lesão na perna esquerda e teve que abandonar.

O chileno Paul Capdeville bateu o colombiano Santiago Giraldo por 2 sets a 1 (2/6, 6/4 e 6/3). O argentino Sebastien Decoud venceu seu compatriota Juan Pablo Brzezicki por 2 sets a 1, parciais de 6/3, 6/7(6/8) e 6/4. Nas quartas-de-final Decoud encara Capdeville.