El Pedrito venceu de ponta a ponta o Clássico Luiz Jácome de Abreu e Souza, prova mais importante de sexta-feira no Jockey Club. El Pedrito assumiu a ponta seguido de perto por Silver Time. Na reta de chegada, com boa ação, seguiu liderando a corrida, enquanto Ki Johnnie atropelou forte na fase decisiva nos metros finais, mas El Pedrito seguiu até o final, com um corpo de vantagem, com Silver Time mais atrasado na terceira colocação.

El Pedrito, um filho de Hostage e Estandista, de criação e propriedade de Silvério Bogucheski, foi apresentado em boa forma por Carlos César Carlindo e dirigido com tranqüilidade por Raphael Paloma.

Provas complementares

Malandro da Lapa estreou com excelente vitória na prova de abertura. Assumiu a ponta na primeira parte do percurso e, tocado com energia por J.S.Cardoso, defendeu-se do ataque de Esnobelo, para vencer por meia cabeça com Otawa na posição imediata.

Travel Guide confirmou na segunda prova. Depois de brigar com Dona Encrenca, firmou-se na ponta, para vencer  fácil, enquanto Bird of Cord formou a dupla pelo lado externo da pista, com Dona Encrenca a seguir.

Lapidário venceu o terceiro páreo. Assumiu a ponta após a partida e, pelo lado externo da pista seguiu até o final, para ganhar fácil de Star Variety, que formou a dupla, seguido de perto por Jornal de Bordo. Donaldinha na partida.

Vilão Like confirmou seu favoritismo na quinta prova, vencendo de ponta a ponta, seguido inicialmente por Volta Grande, mas sem ser ameaçado, pois seguiu fácil até o final, enquanto Verduga conseguiu a segunda colocação.

Nellis conseguiu sensacional vitória na sexta prova. Aço Paccino correu na ponta sempre ameaçado pelo favorito Swing di Job, que nos 200 finais assumiu a ponta, dando impressão de vitoria. Nellis, porém, tocado com energia por J.Miranda, atropelou muito forte, para dominar Swing di Job nos metros finais, com Jeito Maneiro perdendo o segundo na foto.

Mister Fast, cumprindo boa atuação, venceu a sétima prova. Depois de dominar Vesuvian Slew, firmou-se na ponta e seguiu até o disco de chegada. John Hills corria segundo, mas esmorecendo atrasou-se para quarto. Formou a dupla, chegando a seguir Otter Rock.

Droll venceu a oitava prova em chegada sensacional. Rimba correu na ponta, com Cathetus Star na segunda colocação. Depois de dominar Rimba, Cathetus Star deu impressão de vitória, mas nos metros finais, atropelando junto a cerca interna, Droll dominou Cathetus Star nos últimos metros, com Señor Comandante na posição imediata.

Rischia Tutto surpreendeu na penúltima prova. Nectáreo correu na ponta, sendo dominado na reta por Rischia Tutto, que venceu a prova, com No Secrets na formação da dupla, atrasando-se Nectáreo para terceiro.

A prova de encerramento foi vencida por Ran Kan Kan. Dá-lhe Madero e Mis The Photo brigaram pelas primeiras posições, mas no final prevaleceu Ran Kan Kan, com Pescador na formação da dupla.