Em um jogo fraco e com arbitragem polêmica, o Brasil ficou no empate em 1 a 1, neste domingo, na Arena Rostov, em partida válida pelo Grupo E da Copa do Mundo da Rússia.

O clima de Copa do Mundo tomava conta das arquibancadas da Arena Rostov. Mas, dentro de campo, esperava-se mais da seleção brasileira. É claro que a ansiedade e o nervosismo são comuns em início de competição, ainda mais quando o assunto é Copa. Porém, os comandados de Tite tiveram um pouco de dificuldade na armação de jogadas e pouco criaram.

Veja como foi o jogo entre Brasil e Suíça!

Mas, pra quem tem Neymar, Willian, Philippe Coutinho e companhia, era questão de tempo – pouco tempo – para que a seleção brasileira abrisse o marcador. Aos 20 minutos, após rebote da defesa da Suíça, Philippe Coutinho arriscou de fora da área e marcou um verdadeiro gol de placa. A bola explodiu no poste e foi parar no fundo da rede. Festa da torcida brasileira na Rússia. “O campeão voltou”, gritavam os brasileiros.

Confira a tabela da Copa do Mundo! 

Na etapa inicial, o Brasil correu poucos riscos. O goleiro Alisson nem sujou o uniforme. Lá na frente, além do gol, a rápida equipe brasileira acabou tendo apenas mais uma chance. O volante Paulinho apareceu como elemento surpresa na área e quase deixou a sua marca.

Neymar esteve apagado em campo. Foto: Jonathan Campos.
Neymar esteve apagado em campo. Foto: Jonathan Campos.

No segundo tempo, a defesa brasileira deu mole logo aos quatro minutos. Após cobrança de escanteio, Zuber subiu na pequena área, ele deu um empurrão “malandro” no zagueiro Miranda e cabeceou pra rede. A arbitragem validou o gol pra festa dos suíços. Os brasileiros ficaram na bronca.

Aos 14 minutos, sem o Brasil conseguir criar alguma oportunidade, Tite optou pela entrada do ex-atleticano Fernandinho na vaga de Casemiro, que já tinha cartão amarelo. A alteração não mudou em nada a postura da seleção brasileira. Pelo contrário, o Brasil estava encurralado no campo de defesa. O comandante canarinho apostou então na entrada de Renato Augusto no lugar de Paulinho.

A seleção melhorou. Aos 24 minutos, Philippe Coutinho dominou na área, mas acabou chutando totalmente torto. Logo depois, o Brasil voltou a reclamar da arbitragem. Gabriel Jesus foi agarrado pelo defensor suíço na área e o árbitro não marcou nada.

Nos minutos finais, Firmino e Miranda tiveram ótimas oportunidades, mas acabaram perdendo.

Sem eficiência no setor ofensivo, com Neymar apagado e com a arbitragem polêmica, o Brasil acabou amargando o empate na largada da Copa do Mundo. O próximo compromisso acontece na sexta-feira, às 9h (horário de Brasília), contra a Costa Rica.

FICHA TÉCNICA

COPA DO MUNDO
1ª fase – Grupo E

Brasil 1×1 Suíça

Brasil
Alisson; Danilo, Thiago Silva, Miranda e Marcelo; Casemiro (Fernandinho), Paulinho (Renato Augusto), Philippe Coutinho, Willian e Neymar; Gabriel Jesus (Firmino).
Técnico: Tite

Suíça
Yann Sommer; Lichtsteiner (Lang), Schar, Akanji e Ricardo Rodriguez; Xhaka, Behrami (Zakaria), Dzemaili e Shaqiri; Zuber e Seferovic (Embolo).
Técnico: Petkovic.

Local: Arena Rostov (Rússia)
Árbitro: Cesar Ramos (MEX)
Assistentes: Marvin Torrentera (MEX) e Miguel Hernandez (MEX)
Gols: Philippe Coutinho, aos 20′ do 1ºT; Zuber aos 5′ do 2ºT;
Cartões amarelos: Lichtsteiner, Schar, Behrami (SUI); Casemiro (BRA);