SAMARA, RÚSSIA (UOL/FOLHAPRESS) – Em branco na Copa de 2018 depois de quatro partidas e contestado por parte da torcida brasileira, Gabriel Jesus diz que não se abate. O atacante deixou o estádio em Samara satisfeito com seu desempenho (e de toda a seleção) na vitória do Brasil sobre o México por 2 a 0, e deixou claro que não se incomoda com a “seca”

“Só não saiu o gol, acontece. Estou muito contente pela vitória do Brasil. Essa equipe está mostrando grande futebol desde o primeiro jogo. Temos que se importar com o nosso time. Tudo que vem do adversário não é benefício. provocações, se estão batendo. Temos de focar no nosso futebol”, afirmou. “Deixo bem claro que se pegar desde meu surgimento no Palmeiras, nunca fui artilheiro ou meti muitos gols. Fico feliz se faço gols, estou ali ajudando. De dois anos para cá jogo de centroavante e muitas coisas mudaram. Estou feliz. Sempre vou ajudar a equipe, me doar ao máximo. Os resultados positivos vem pelo futebol que estamos demonstrando”, afirmou.

Gabriel considerou a partida difícil, mas disse que a seleção tende a encontrar equipes fechadas e que defendam bem na sequência da Copa.

“Todos os jogos tem sido difíceis. É normal que um jogo ou outro aconteça de ser mais complicado, do adversário estar mais fechado, basta trabalhar a bola com paciência. As chances estão pintando. Na verdade estou bem tranquilo. Lógico que sendo centroavante vai ser cobrado por gols, por fazer.”

Jesus também disse encarar de forma positiva a concorrência de Roberto Firmino por uma vaga no ataque brasileiro. “Muito bom o Firmino ajudar. Eu sempre disse que ele tem totais condições de ser titular, a briga é muito sadia. Eu jogando ou ele jogando, vou torcer da mesma maneira que ele torce por mim. Espero que ele nos ajude muito. Fico muito contente pela entrada dele no jogo.”

O camisa 9 brasileiro promete uma pequena comemoração com a família antes de retomar o foco nas quartas de final, a partir desta terça-feira. O Brasil volta a campo na sexta, contra o vencedor de Bélgica e Japão.

“Estou tranquilo. Muito feliz também pela equipe, pelo futebol que vem jogando, pelas vitórias, estamos nas quartas. Hoje vamos comemorar a gente juntos, com nossas famílias, porque não é fácil. A partir de amanhã focar no próximo.”