São Paulo –

O Corinthians vai descontar os dias em que Vampeta não comparecer ao clube para cuidar da recuperação de seu joelho esquerdo. Até ontem, o jogador já tinha perdido 11 dias de trabalho. A diretoria também se nega a falar sobre a dívida que tem com o jogador. O vice-presidente de Futebol Antonio Roque Citadini só confirmou o desconto dos dias não trabalhados.

“O Vampeta é um grande jogador, mas é um jogador complexo. Nós achamos que ele deve fazer a fisioterapia com o maior rigor. Por isso, os dias em que ele não compareceu serão descontados.”

Citadini reagiu com ironia na hora de falar sobre a dívida do clube com Vampeta, que não recebe direitos de imagem desde junho. O dirigente se irritou quando os repórteres quiseram saber se o clube também deve direitos de imagens a outros jogadores, especialmente Rogério, Renato, Fabinho e ao técnico Geninho. A sua resposta foi um ataque geral à imprensa. “Vocês publicam a lista de jornalistas que não recebem? Vocês publicam a lista de empresa jornalística que deve? Então por que o clube tem que ficar publicando uma lista do que deve e o que não deve? Não entendo vocês.”

Alguns jogadores, porém, admitiram que o clube ainda não pagou o prêmio da Copa do Brasil nem os bichos do vice-campeonato brasileiro. O volante Fabinho foi um dos que confirmaram essas dívidas. Porém, esclareceu que, no seu caso, os direitos de imagem já foram colocados em dia. “Meus direitos de imagem são pequenos. Já atrasaram, mas hoje estão em dia. Eu ganho bem menos que o Vampeta. Mas aqui todo mundo é profissional. Tenho certeza de que o clube está tentando acertar o prêmio da Copa do Brasil e os bichos do Brasileiro.”

Citadini reconheceu a dívida com os jogadores pela conquista da Copa do Brasil, mas colocou em dúvida a obrigação de o clube honrar o pagamento dos bichos pela campanha do vice-campeonato brasileiro.