Após a partida de ontem o Coritiba quase nem vê o segundo colocado no retrovisor, já que são dez pontos de diferença para o eterno rival Atlético. Ontem, o Iraty até tentou, mas foi a sétima vítima alviverde neste início de Estadual. “Sabíamos que este campeonato seria difícil, e estamos mantendo o 100% porque estamos competindo de igual para igual com as outras equipes. E para eles ganharem da gente vão ter que correr 110, 150%. A nossa equipe está correndo isso aí, e na força estamos igualando com qualquer time”, comemorou Ramon na saída do gramado do Caranguejão após os 3 a 1.

E a confiança alviverde tem razão de ser porque nem o forte calor está sendo páreo para segurar o Alviverde. “Parecia que estávamos jogando à tarde, muito calor. Mas o importante foi a vitória, que deu tranquilidade para trabalharmos a semana, ficar com a família e curtir bastante”, vibrou Renatinho. Hoje e amanhã, o elenco ganha merecida folga, mas na terça bate ponto no CT da Graciosa porque começa tudo de novo. Não é mesmo, Edson Bastos? “Vitória importante, do sacrifício apesar do clima não estar muito agradável para a prática do futebol”, apontou o arqueiro.

Já o artilheiro da partida, Marcos Aurelio, analisou como foi a conquista. “O 1.º tempo foi um jogo truncado. O time deles estava bem posicionado, marcando bem a nossa equipe. Tivemos algumas oportunidades e não soubemos concluir. No 2.º tempo prevaleceu a bola parada. Treinamos bastante durante a semana batendo faltas em direção ao gol. Sabíamos que se o zagueiro não cortasse, a bola poderia entrar direito. Como aconteceu na segunda e terceira faltas foi a precisão na batida”, destacou.