No duelo do campeão paranaense e do campeão paulista, o Coritiba provou que não voltou para a elite do futebol brasileiro por acaso. Em um Couto Pereira lotado, o time fez a festa da torcida e mandou o Palmeiras de volta para casa com dois gols na bagagem.

Primeiro Tempo

A partida começou com o Palmeiras pressionando mais. O Coxa levou algum tempo para conseguir se encontrar. A principal deficiência foi o meio de campo. Aos 12 minutos, o Coritiba levou, pela primeira vez, perigo real ao gol de Marcos. Alê cobrou escanteio, Jéci tocou de cabeça e a bola saiu pela linha de fundo. Depois dos 15 minutos, a partida ficou muito equilibrada. Aos 17 minutos, Martinez cobrou falta para o Palmeiras, Edson Bastos se esticou todo e com a mão esquerda tocou a bola para fora. O Coritiba insistia em lançamentos para Keirrison, mas o atacante estava bem marcado. Aos 27 minutos, Marcos soltou a bola na frente de Carlinhos Paraíba, que chegou chutando com tudo. A bola bateu em Pierre e desviou do gol. Aos 39 minutos, Keirrison se machucou sozinho, ele sentiu a coxa. O ídolo coxa-branca teve um estiramento e deve ficar 21 dias fora dos gramados.

Show de cartões

O primeiro cartão amarelo saiu aos 27 minutos para os palmeirenses Alex Mineiro, por reclamação depois de sofrer falta, e Kléber, pelo mesmo motivo. Depois, Pierre fez falta dura em Carlinhos Paraíba e também levou cartão. No segundo tempo, logo no início da partida, Ricardinho levou cartão para o Coxa após de uma seqüência de faltas. Depois dos 20 minutos veio uma série de cartões. Amarelo para Valdívia e Nenê. Vermelho para Carlinhos Paraíba e Diego Souza depois de empurra-empurra na área. O último cartão foi, amarelo, para Sandro Silva.

Segundo Tempo

O Coxa começou a segunda parte da partida com o lançamento de Carlinhos Paraíba para Hugo, que ficou na cara do gol e cabeceou a bola. Marcos fez boa defesa e segurou o placar. O Coritiba cresceu e passou a dominar a partida. Aos 9 minutos a equipe abriu o placar. Michael tabelou com Hugo, que no rebote do goleiro Marcos fez a alegria da torcida. Aos 14 minutos, Ricardinho tocou para Carlinhos Paraíba, que quase ampliou para o Coxa. O Palmeiras passou a buscar mais o ataque. Hugo e Michael foram os grandes destaques da partida. Eles tabelaram várias bolas e, por muitas vezes, levaram perigo ao gol palmeirense. Aos 38 minutos a equipe coxa-branca fechou o placar; Michael deixou a defesa do campeão paulista para trás, tocou para Hugo, que marcou um gol de placa. Pouco antes do final da partida, Michael foi substituído e deixou o campo ovacionado pela torcida.

O Coritiba entra em campo no próximo domingo para enfrentar o Figueirense.