Não deu para o Coritiba. Jogando no Albino Turbay, o Coxa mostrou um futebol muito abaixo do esperado depois das goleadas no Cascavel e perdeu para o Cianorte por 1×0, neste domingo (16), pelo duelo de ida das semifinais do Campeonato Paranaense. Agora o Alviverde precisa ganhar por dois gols de diferença na volta, no próximo domingo (23), no Couto Pereira, para se classificar para a final. Se ganhar por um gol apenas, a decisão da vaga vai para os pênaltis.

Confira como foi o jogo no Tempo Real da Tribuna!

Jogando em casa, o Cianorte começou a partida se impondo. Atuando de forma ofensiva, o Leão do Vale ditava o rimo do jogo e, consequentemente, se mantia no campo de ataque, fazendo o Coritiba se preocupar mais em se defender e também sem conseguir puxar o contra-ataque. Com isso, o time do interior criou as primeiras grandes chances, principalmente na bola parada.

Aos 12 minutos, Mauricio cobrou falta e Wilson fez grande defesa. Aos 20, foi a vez de Léo Gago bater falta e mandar a bola perto do gol. O Coxa, por sua vez, pouco atacava e, quando chegava, parava na forte marcação do adversário. Tanto que na maior parte do tempo o Alviverde tocava a bola de um lado para o outro, tentando encontrar espaços na defesa do Cianorte, que se defendia muito bem.

Não só se defendia bem, como também atacava com qualidade. Aos 31, em bela jogada, o Leão do Vale abriu o marcador. Em lance todo construído pelo lado esquerdo, Vinícius recebeu, avançou e cruzou na medida para Eduardinho mandar para as redes.

No segundo tempo, o Coritiba tentou mudar a postura em campo, mas seguia tendo dificuldades no meio-campo e sem passar pela defesa do Cianorte. Uma das poucas excessões foi Tiago Real, que arriscou mais, mas insuficiente para mudar o panorama da partida. Mesmo assim, o meia foi substituído por Daniel.

A resposta do Leão do Vale veio aos 21, quando Breno chutou forte e Wilson espalmou para escanteio. O lance, aliás, refletiu bem o que foi o confronto. O Coxa tentava furar o bloqueio dos donos da casa na base da troca de passes, enquanto o Cianorte era mais objetivo e levava mais perigo na base da vontade e da pressão. Aos 29, Eduardinho, no contra-ataque, mais uma vez colocou Wilson para trabalhar.

Nos minutos finais, Pachequinho arriscou um pouco mais e tirou o volante Alan Santos para colocar o atacante Léo Santos. Porém, sem criação, a bola não chegava lá na frente e o trio ofensivo quase não incomodou o Cianorte, que esperou o apito final para comemorar a vantagem.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO PARANAENSE
Semifinal – Jogo de ida

CIANORTE 1X0 CORITIBA

Cianorte
João Gabriel; Jackson (Gerônimo, 40 do 2º), Breno, Maurício e David Luis; Jovany, Léo Gago, Eduardinho e Xavier (Max, 31 do 2º); Lucas Pará (Ganzer, 40 do 2º) e Vinícius.
Técnico: Marcelo Caranhato

Coritiba
Wilson; Dodô, Walisson Maia, Werley e William Matheus; Edinho, Alan Santos (Léo Santos, 37 do 2º), Anderson e Tiago Real (Daniel, 21 do 2º); Iago (Filigrana, 33 do 2º) e Henrique Almeida.
Técnico: Pachequinho

Local: Estádio Albino Turbay (Cianorte)
Árbitro: Edivaldo Elias da Silva
Assistentes: Pedro Martinelli Christino e Victor Hugo Imazu dos Santos
Gols: Eduardinho, 31 do 1º
Cartões amarelos: Vinicius, Xavier (CIA); Alan Santos, Anderson e Walisson Maia (COR)
Público pagante: 2.093
Renda: R$ 47.400,00