O Coritiba precisa superar nesta quinta-feira uma série de desfalques diante do Avaí, às 21 horas, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela 13.ª rodada, para encerrar a série negativa e voltar a vencer no Campeonato Brasileiro.

O último triunfo na competição veio apenas no dia 7 de junho – sobre o Palmeiras, por 1 a 0. Desde então, foram sete partidas sem vitória – e uma queda das primeiras para as colocações mais próximas da zona do rebaixamento.

Mas, para superar o Avaí e encerrar o jejum, o Coritiba terá de lidar com alguns importantes desfalques. Quatro já estão confirmados: o zagueiro Werley, o volante Alan Santos, o meia Tiago Real, contundidos, e o lateral-esquerdo William Matheus, expulso na derrota para o Sport na última rodada.

Com dores após sofrer uma pancada no joelho, o meio-campista Matheus Galdezani até viajou com o elenco, mas será reavaliado antes do jogo. “Temos de ser inteligentes, agressivos e ambiciosos, mas sempre atentos, principalmente na questão defensiva, para que nossa equipe não seja surpreendida”, comentou o técnico Pachequinho.