O Coritiba venceu o Atlético no clássico deste domingo por 4 a 2 e colocou fogo no campeonato. Atlético e Coritiba têm 14 pontos e decidirão o título no próximo final de semana.

O Atlético encara o Cianorte e joga por uma vitória simples para levantar a taça. O Coxa recebe o Nacional e Marcelinho Paraíba é desfalque. O J.Malucelli, que tem 13 pontos, recebe o Paraná e corre por fora.

O Coritiba não tomou conhecimento do Atlético no primeiro tempo. Jogando com personalidade e indo pra cima, o Verdão foi bem superior ao rubro negro, que não conseguiu segurar o ímpeto alviverde. Logo aos 6 minutos, Marcos Aurélio bateu falta, a bola sobrou para Marcelinho Paraíba, que encheu o pé no cantinho para abrir o placar.

Aos 19 minutos, Marcelinho Paraíba, o melhor do primeiro tempo, mandou uma pancada na trave. Um minuto depois, Márcio Gabriel foi derrubado por Netinho dentro da área e o árbitro não teve dúvidas: pênalti.

Marcos Aurélio bateu forte, no alto, para o delírio da torcida alviverde. Antes do apito do árbitro, Rodrigo Mancha ainda perdeu um gol de cabeça com o gol aberto.

Geninho não gostou nem um pouco da atuação do seu time na primeira etapa e mudou em atacado na volta para o segundo tempo. Netinho, Júlio César e Julio dos Santos saíram para as entradas de Márcio Azevedo, Wallyson e Lima. As mudanças deram certo e o Furacão conseguiu marcar seu gol aos 12 minutos. Rafael Moura saiu na cara do gol e com categoria deslocou Vanderlei.

O Atlético foi no embalo da torcida e chegou ao segundo gol aos 19 minutos. Wallyson foi derrubado por Leandro Donizete dentro da área: pênalti. Marcinho bateu bem e empatou a partida.

O Atlético foi pra cima em busca da virada, mas quem marcou foi o Coxa. Aos 35, Marcelinho bateu escanteio pra área, a bola sobrou com Ariel, que colocou pra dentro. Aos 47, Marlos, que entrou no lugar de Marcos Aurélio, recebeu livre dentro da área e fechou o placar. Final: Coritiba 4, Atlético 2.