O Coritiba iniciou muito bem a disputa do Campeonato Brasileiro. Consistente e sem sustos, o Coxa goleou o Atlético-GO por 4×1 na noite de segunda-feira (15), no Couto Pereira, e deu esperanças ao torcedor de um caminho diferente do clube na competição nacional. Empolgação, no entanto, que o técnico Pachequinho deixa apenas nas arquibancadas. O comandante alviverde prega cautela e pés no chão para a continuidade no Brasileirão.

“É manter esse momento que a equipe vive, com confiança e tranquilidade. É manter os pés no chão. O Brasileiro é muito longo, temos mais 37 rodadas. Não podemos achar que está tudo perfeito porque, apesar do resultado, tivemos algumas dificuldades no jogo, e temos que ter nossas correções também”, pontuou o treinador.

Depois de ser campeão estadual, na semana passada, o Coritiba manteve o bom momento e provou isso em campo. Pachequinho ressaltou a importância de começar o Brasileirão com vitória e, sobretudo, a presença e o apoio do torcedor no duelo contra o Dragão.

“Estamos no começo e é bom iniciar com o pé direito. A vitória dá tranquilidade e agora já temos outro compromisso fora. É bom conseguir os resultados jogando em casa, temos que propor o jogo sempre e outro aspecto importante é a nossa torcida, que compareceu em bom número. Quando tem o torcedor ao seu lado, as coisas ficam mais fáceis para manter esse momento que o time vive”, acrescentou o treinador, que elogiou ainda a postura da equipe contra o Atlético-GO.

“Jogando em casa, o Coritiba tem que ser desta forma, pressionando forte. Os jogos em casa são fundamentais, os resultados, o comportamento da equipe. Já cria padrão de jogo, principalmente no Couto Pereira”, concluiu ele.

O Coritiba se prepara agora para dois compromissos fora de casa pelo Campeonato Brasileiro. O primeiro será neste sábado (20), às 16h, diante do Santos, na Vila Belmiro. Depois, na semana que vem, o Verdão vai a Salvador encarar o Vitória, no dia 27