Mesmo com a vitória por 1 a 0 diante da Chapecoense, neste domingo (23), no Couto Pereira, a terceira seguida do Coxa no Brasileiro, o técnico alviverde Ney Franco descarta o otimismo e procura manter o estado de alerta no elenco, adotando um tom duro no discurso. “Não tem jogo fácil, vamos sofrer até o fim do campeonato”, declarou após o triunfo em casa.

Apesar da sequência de resultados positivos no Brasileirão, o Coritiba vem sofrendo com oscilações dentro das partidas, fato que o treinador considera fruto da dificuldade dos confrontos. “Outro dia lamentamos o empate com o Goiás em casa, mas em seguida eles mostraram força e venceram São Paulo e Vasco por três gols de diferença. A queda de rendimento se deve principalmente a isso, ao equilíbrio da competição”, analisou o treinador.

Após fazer um jogo fraco tecnicamente diante do Vasco, na última rodada do campeonato, o Coxa se “redimiu” em casa na Copa do Brasil, na última quarta, quando dominou o Tricolor gaúcho, mas acabou derrotado por 1 a 0. Novamente pelo Brasileirão, o Alviverde começou a partida com a Chapecoense dando mostras de que não daria chances ao adversário, mas caiu de produção na segunda etapa e deixou os catarinenses sonharem com o empate.

Para Ney, pesa também contra a regularidade da equipe o fator emocional, já que elenco e comissão técnica trabalham sob intensa pressão. “A pressão é muito grande, ainda estamos na zona de rebaixamento e isso afeta o lado emocional do jogador. Quando a Chapecoense cresceu no jogo, o Coritiba começou a errar, não ficava com a bola, rifando o tempo todo. Isso é emocional, é aquele medo de sair para o ataque e tomar um gol”, disse.

E o comandante tem a receita para que as cobranças sobre o Coritiba diminuam. “A pressão existe porque nós continuamos na ZR. Temos um jogo dificílimo contra o Grêmio, no próximo domingo, para tentar sair dessa situação”, concluiu.

Com 21 pontos, o Coritiba é o 17º colocado do Brasileiro e está um ponto atrás do Goiás, o primeiro time fora da zona de rebaixamento.

Confira aqui mais lances da vitória Alviverde!

Paraná Online no Facebook