O Coritiba já pode usar, se quiser, o meio-campista alemão Alexander Baumjohann. O nome do jogador foi divulgado na tarde desta sexta-feira (21) no Boletim Informativo Diário da CBF (BID), e assim fica apto a atuar no Campeonato Brasileiro, estando à disposição do técnico Marcelo Oliveira, que começará oficialmente seu trabalho na segunda-feira (24) – neste sábado (22), no Rio de Janeiro, Robson Gomes será o interino a comandar o Coxa diante do Flamengo, na Ilha do Urubu

Baumjohann chegou no início de julho ao Coritiba, como a grande aposta da diretoria para ser o articulador que a equipe tanto precisa e procura. Aos 30 anos, e referendado pelo lateral-direito Rafinha e pelo zagueiro Dante, o alemão chegou falando português fluente (é casado com uma modelo brasileira e tem residência em Belo Horizonte) e prometendo mostrar bom futebol. “Sou meia atacante, que gosta de dar assistências e ficar perto do gol. Mas quero mostrar minha qualidade no campo e daí vocês podem avaliar melhor”, disse na sua apresentação.

Mas, mesmo liberado pela CBF para jogar, ainda deve demorar mais um pouco para Baumjohann estrear pelo Coritiba. Afinal, o meia vem de um longo período de inatividade. Sua última partida foi em maio do ano passado, pelo Hertha Berlin. Apesar do otimismo demonstrado pelo jogador (“Ano passado não joguei muito. Mas o passado quero esquecer. Estou bem, estava de férias por um tempo, mas aqui no clube são todos são bem profissionais e acho que vamos trabalhar muito forte esses dias para eu estar em campo o mais rápido possível”, afirmou o alemão), a comissão permanente do Coxa quer evitar riscos desnecessários.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro!

Para conseguir ser liberado para atuar, Baumjohann precisava do visto de trabalho, o que foi conseguido durante esta semana. Ele foi até Foz do Iguaçu, cruzou a fronteira com a Argentina e voltou para ter o registro de trabalhador em seu passaporte, o que lhe permite ficar no Brasil por cinco anos.