Chegou a hora de embalar no Campeonato Paranaense. O Coritiba quer acabar com a irregularidade apresentada até agora e, nas três últimas rodadas diante de PSTC e Rio Branco no Couto Pereira, e contra o Londrina, fora de casa, somar nove pontos para terminar a primeira fase na segunda posição e entrar com moral nas quartas de final do Estadual. A aposta maior do Verdão está, sobretudo, nas partidas dentro de casa, onde o clube tem 83% de aproveitamento em quatro partidas disputadas.

Análise: Por que o Coxa não pensa em manter Pachequinho?

Apesar de ter um bom rendimento dentro de casa, o Coritiba se prepara para um duelo complicado diante do PSTC, lanterna do Estadual, amanhã, às 19h30, no Couto Pereira. O zagueiro Werley espera que o Verdão possa saber lidar e ter a paciência necessária para encarar times que jogam mais fechados nos duelos realizados dentro de casa.

“A nossa intenção é ganhar os três jogos. Temos dois jogos dentro de casa. Quinta-feira (amanhã), vamos enfrentar o último colocado e vamos enfrentar dificuldade como aconteceu contra o Foz, que quando veio aqui era lanterna, se fechou lá trás e tivemos dificuldades. Temos que ter paciência e temos que evoluir nesse aspecto, saber jogar contra times fechados. A gente quer vencer os três jogos e vamos ver como vamos terminar essa primeira fase para, no mata-mata, decidir em casa”, cravou o defensor alviverde.

O atacante Neto Berola não titubeou. Dentro do Couto Pereira, independentemente do adversário, a obrigação de vitória é do Coritiba. “O Coritiba é time grande. Jogando em casa, tem a obrigação de ganhar. Vamos com esse pensamento. Precisamos ganhar para poder pegar mais confiança para a reta final do campeonato. Vamos buscar essas duas vitórias para poder embalar na competição”, emendou o camisa 9, que admitiu uma pressão maior por jogar em casa.

“Hoje qualquer jogo no Couto Pereira é uma pressão enorme. É difícil você enfrentar times que ficam todo atrás, retrancado. É bom quando faz o gol no começo e aí obriga o adversário a sair. Estamos treinando bem para isso. Temos que tocar muito a bola até chegar na hora certa de achar um espaço e fazer o gol. A equipe está consciente da situação que será um jogo diferente do que foi contra o J. Malucelli”, prosseguiu o atacante coxa-branca.

Saiba mais! Coxa tá mais confiante pra reta final do campeonato!

Para embalar no Campeonato Paranaense, o Coritiba procura algo pouco visto até agora na temporada de 2017: regularidade. O zagueiro Werley, que entrou em campo pelo Coxa em todas as partidas neste ano, viu o Verdão atuar momentos bons e ruins e acredita que chegou a hora do clube ser mais constante nas suas atuações para brigar pelo título do Estadual.

“Regularidade: essa é a palavra e é isso que estamos buscando. Conseguimos ser regulares, alternamos em alguns momentos. Jogamos partidas muito boas e outras partidas muito ruins. Temos que procurar manter o nível de atuação melhor, manter uma regularidade para que a gente possa somar mais pontos. Estamos mais confiantes depois do jogo de domingo. O campeonato está se definindo na parte de cima da tabela e agora mais do que nunca essa regularidade será importante para chegarmos bem nas fases decisivas”, arrematou o defensor do Coxa.