Ainda com um time em construção, o Coritiba, vai, aos poucos, reformulando todo o seu elenco em 2018. Apostando em jogadores mais baratos e também nas revelações da base, o Coxa vai deixando a ‘era Bacellar’ para trás e conta praticamente apenas com o goleiro Wilson como remanescente dos últimos anos.

Do elenco que disputou o Campeonato Brasileiro de 2016 para cá, apenas o camisa 84, o lateral-esquerdo William Matheus, o volante João Paulo e os atacantes Kléber, Alecsandro e Evandro seguem no elenco, com apenas três deles estando no grupo de dois anos atrás (Wilson, João Paulo e Kléber). No entanto, o único títular absoluto durante todo esse tempo é o goleiro.

William Matheus começou 2017 como destaque da equipe, mas caiu de produção e terminou o Brasileirão do ano passado na reserva de Thiago Carleto, atualmente no Atlético, recuperando a posição apenas agora, depois de se recuperar de uma lesão.

Outro que foi contratado ano passado e ainda oscila muito, sem conseguir boas atuações, é Alecsandro. O atacante ganhou duas oportunidades no time titular com Eduardo Baptista, mas logo voltou para o banco de reservas. Já Evandro perdeu espaço de vez e está à disposição no elenco que disputa o Brasileiro de Aspirantes.

Além deles, João Paulo e Kléber estão mais para sair do Coxa do que seguir no elenco. O primeiro tem uma proposta do Londrina e pode ser negociado, enquanto o Gladiador está afastado do grupo, treinando em separado aguardando o fim do contrato, que vai até dezembro.

De qualquer forma, de todos esses, a única unanimidade é Wilson. Contratado em 2015, no primeiro ano da antiga gestão, o arqueiro chegou já para ser titular e nestes quase três anos de clube já disputou 169 jogos com a camisa alviverde, ficando de fora apenas por causa de lesões. Neste período foi herói em alguns jogos, campeão paranaense em 2017 e já marcou cinco gols.

Confira a tabela e a classificação da Série B!

O restante dos elencos das últimas temporadas – sempre com o Coritiba brigando para não cair no Brasileirão -, já foi dispensado ou negociado, entrando na realidade financeira do Coxa, diminuindo gastos com salários e apostando em nomes menos badalados.

Mesmo assim, Wilson foi considerado prioridade na formação do elenco para 2018. O jogador recebeu propostas de outras equipes, mas optou por ficar e cumprir o contrato, que vai até o final do ano que vem. Inclusive, ele já revelou que quer encerrar a carreira no Coritiba, possivelmente aumentando essa sequência por mais um tempo.