O Coritiba inicia, nesta segunda-feira (24), um novo trabalho com Jorginho à frente da equipe. A vitória sobre o Bragantino acalma os ânimos e traz um ambiente mais tranquilo para o treinador colocar suas ideias. A pergunta que fica é: o que Jorginho pode aproveitar do trabalho de Barroca? Qual vai ser a cara desse novo Coxa?

Desde a chegada de Eduardo Barroca, a diretoria do Coxa apostou em uma mudança em no estilo de jogo da equipe, em um projeto propositivo, de ser o protagonista de seus duelos.

Tabela do Brasileirão 2020: veja a classificação e todos os jogos

Ao demitir o treinador, e procurar Jorginho, o clube abandona uma filosofia que, com base nela, contratou seus jogadores, para iniciar outra forma de jogo, que busca reagir mais do que ter a bola a toda hora.

Ambas podem alcançar o sucesso, a questão é que, nos últimos meses, Barroca exigiu um tipo de comportamento aos seus atletas, Jorginho pedirá outro e isso leva tempo para ser colocado em campo.

Setor ofensivo: problema de Barroca, problema para Jorginho

Na Série B do ano passado, apesar de ter sofrido apenas uma derrota em 15 jogos, Jorginho teve problemas para fazer o sistema ofensivo funcionar, assim como Barroca. Tanto que a bola parada, assim como neste ano, foi uma das armas da equipe, com 10 gols marcados de 19.

Jorginho deve trazer mais solidez defensiva ao Coritiba

Em 2019, Jorginho encarou um ambiente parecido com o deste ano, com desconfiança e problemas internos. Em poucos dias, conseguiu acalmar as coisas e ter o controle e a confiança do vestiário, o que foi chave para a conquista do acesso. Com o tempo, trouxe uma maior solidez defensiva ao time e conseguiu não sofrer gol em sete jogos. Atualmente, o setor foi vazado em todos os jogos do Brasileirão.

Mozart, em sua coletiva após a vitória sobre o RB Bragantino, falou um pouco do cenário que o novo treinador vai encontrar no Coxa. “O Jorginho pode ter certeza que vai ter um elenco qualificado em mãos, em que ele poderá escolher pelo menos três sistemas de jogo, de acordo com o jogador que ele escolher para jogar”, finalizou.

O primeiro desafio de Jorginho será diante do Sport, no domingo (30), no Couto Pereira, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

+ Mais do Coxa:

+ Mozart exalta trabalho de Barroca e fala de “alívio” por vitória do Coritiba
+ Jorginho e Paulo Pelaipe retornam ao Coritiba
+ Coritiba: O trabalho contestado de Pastana na temporada 2020


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?