O Coritiba ainda não desistiu de contar com o atacante Leandro para a temporada de 2017, porém, ganhou uma forte concorrência. Apesar das informações divulgadas pela imprensa paulista dando conta que o camisa 11 será emprestado pelo Palmeiras ao Kashima Antlers, do Japão, a diretoria coxa-branca vai ainda conversar com o clube paulista para tentar um reempréstimo por mais um ano.

De acordo com o diretor de futebol Alex Brasil, o Coxa ainda deverá conversar com o Palmeiras para definir uma possível permanência de Leandro no Alto da Glória. O cartola confirmou também que sabia do interesse do clube japonês.

“A gente ficou de falar na virada do ano. Quem detém os direitos do jogador é o Palmeiras. A gente sabia que ele tinha uma proposta do Japão, mas não sei se concretizou ou não. Se o Palmeiras deu o positivo para o negócio são eles quem tem que falar”, apontou o dirigente.

A diretoria do Palmeiras ainda não confirma a negociação com o Kashima, mas um fato que pode pesar no empréstimo é a compensação financeira que o Porco terá. Pelo empréstimo de Leandro ao clube japonês, o time paulista deve receber cerca de R$ 1 milhão.

Leandro, se realmente deixar o Coritiba, sairá em alta. O camisa 11 terminou a temporada como titular do time comandado pelo técnico Paulo César Carpegiani e foi autor de gols importantes que garantiram o Alviverde na elite do Campeonato Brasileiro. O atacante fez 48 jogos e marcou 12 gols.

Além de Leandro, o Coxa tenta manter um outro jogador que pertence ao Palmeiras: o volante Amaral. As conversas entre dirigentes dos dois clubes devem acontecer também na semana que vem para costurar um novo acordo para a renovação do empréstimo do jogador.