O Coritiba anunciou a contratação do volante paraguaio Ramón Martínez. O jogador de 24 anos chega por empréstimo do Atlético-MG, com contrato até o final do Brasileirão.

“Sou um jogador de muita raça, que é minha principal característica. Gosto muito de ir para frente e dar assistência aos atacantes, marcar em pressão alta”, avisa Martínez.

Confira a tabela e classificação do Brasileirão

Martínez vem para suprir a saída de Renê Júnior, devolvido ao Corinthians após passagem apagada no Alto da Glória. O paraguaio é a segunda contratação desde que o técnico Jorginho e o diretor Paulo Pelaipe chegaram. Suas características casam com as estratégias do treinador para montar um meio de campo mais sólido.

O atleta estava sem espaço no Galo. Ele foi comprado por R$ 8,2 milhões pelo clube mineiro, mas fez 11 jogos em 2019 e apenas três partidas em 2020, sendo a última em fevereiro, no torneio estadual.

Com 1,86m de altura, Martínez não é um típico cão de guarda. Ele atua como segundo volante e se destacou no Guarani, do Paraguai. Revelado em 2015, conquistou o Clausura, em 2016, e a Copa do Paraguai, em 2018. As boas atuações renderam quatro convocações para a seleção.

“Fiz muito sucesso no Paraguai e também já joguei pela minha seleção. Espero ter sequência aqui para ser convocado de novo. Gosto muito do futebol brasileiro. Vou deixar o meu melhor para que o clube tenha sucesso”, diz o volante.

Martínez conta que antes de acertar com o Coritiba conversou com o compatriota e amigo Nery Bareiro, zagueiro que passou pelo Alto da Glória em 2016, e que está atualmente no Juventude.

“Tenho amigos paraguaios que atuaram aqui e um deles é o Nery Bareiro. Ele me falou muitas coisas boas daqui. Pesquisei também e me animei para vir a um grande clube do Paraná, que já venceu o Brasileiro e é um grande do Brasil”, finalizou Martínez.

+ Mais do Coxa:

+ Coritiba dispensa zagueiro e negocia empréstimo de atacante
+ Coritiba encaminha acerto com meia do Internacional


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?