A semana promete ser tensa no Coritiba. Precisando vencer o Botafogo, domingo, no Couto Pereira, para se manter vivo na luta contra a degola, a 37.ª rodada tem ares de decisão para o time. O Coxa tanto pode terminar o final de semana rebaixado como garantido na Série A de 2014. Pela visão mais pessimista, a equipe cai no próximo domingo se perder para o clube carioca e outras quatro combinações de resultados se confirmarem.

A primeira seria o Fluminense, que recebe o Atlético-MG sábado, no Maracanã, vencer e abrir três pontos e duas vitórias de diferença. Já no domingo, Portuguesa e Criciúma, se vencerem Ponte Preta e São Paulo, respectivamente, também não poderiam mais ser alcançadas pelo Coxa. Os paulistas abririam cinco e os catarinenses quatro pontos de vantagem. A Lusa, até mesmo com um empate, dificultaria a vida do Alviverde, pois poderia ser alcançada no número de pontos e vitórias, mas abriria uma vantagem de pelo menos 8 gols de saldo.

Por fim, o Bahia encara o já campeão brasileiro Cruzeiro, no Mineirão, na partida da entrega da taça. Mas um empate para o tricolor baiano serviria para derrubar o Coritiba, que permaneceria com 42 pontos e não poderia alcançar mais ninguém. Ou seja, caso o time tropece no Couto e perca mais uma vez dentro de casa, a torcida coxa-branca ficará na torcida para que pelo menos um, entre Fluminense, Ponte Preta e Criciúma, não vença. Ou então, que o Bahia perca.

Por outro lado, baseado nos mesmos confrontos, o Alviverde pode pular para o 13.º lugar e se livrar do rebaixamento já na próxima rodada. Para isso acontecer, precisaria ganhar do Botafogo, e que o Bahia perca para o Cruzeiro. Da mesma forma, que a Lusa seja derrotada pela Macaca e que Fluminense e Criciúma no máximo empatem seus jogos.

Numa visão ainda mais otimista, o Coritiba pode até chegar à derradeira rodada do Brasileirão já livre de qualquer ameaça de rebaixamento. Inclusive, dependeria de uma combinação menor de resultados. ‘Basta’ vencer o alvinegro carioca, que o Fluminense seja derrotado pelo Atlético-MG, que o Bahia perca da Raposa e que o Vasco não ganhe do Náutico, em São Januário.

Com essas combinações, o Coxa chegaria aos mesmos 45 pontos que o Bahia. No entanto, na última rodada, o tricolor baiano recebe na Fonte Nova o Fluminense, que somaria 42 pontos. Ou seja, independentemente do resultado do confronto, apenas um dos dois teria a possibilidade de ultrapassar a equipe paranaense. Some-se a isso, uma derrota do Vasco para o Timbu, que faria o clube carioca parar nos 41 pontos.