A vitória diante do São Paulo por 2×1, na noite de quinta-feira (3), no Morumbi, foi a terceira do Coritiba como visitante neste Campeonato Brasileiro. Com um bom rendimento fora de casa, o time alviverde precisa recuperar agora a sua força caseira. Nos nove jogos que fez no Couto Pereira, foram três vitórias, três empates e três derrotas. Se não fossem os bons resultados conquistados fora de Curitiba, o Verdão fatalmente estaria afundado na zona de rebaixamento do Brasileirão.

“A gente acabou deixando alguns pontos em casa. O Campeonato Brasileiro é muito difícil e quando você deixa de ganhar dentro de casa, você é obrigado a ganhar fora de casa. Nosso time deixou a desejar em alguns jogos em casa. Buscamos a pontuação e essa vitória contra o São Paulo tem que ser bastante comemorada, pois vai fazer muita diferença lá na frente”, cravou o atacante Alecsandro.

No Campeonato Brasileiro deste ano, o Coritiba, fora de casa, conquistou três vitórias, um empate e cinco derrotas, totalizando 37% de rendimento. Durante toda a competição nacional do ano passado, o Verdão conseguiu apenas duas vitórias, seis empates e foi derrotado em 11 oportunidades. Por isso acabou lutando contra o rebaixamento até a reta final do Brasileirão.

Vitória com gosto especial pra João Paulo

Confira a classificação da Série A
Para que esse filme não se repita em 2017, o Coritiba precisa voltar a fazer do Couto Pereira a sua principal arma. A oportunidade está no duelo deste domingo (6), às 16h, diante da Chapecoense, no Couto Pereira. O volante Alan Santos espera que o torcedor possa apoiar o Verdão a somar mais três pontos no Brasileirão.

“A gente pede que a nossa torcida nos apoie o tempo todo. O verdadeiro torcedor está no melhor e no pior momento. Essa é a verdade. A cobrança é normal, não estava dando certo. Hoje (ontem) a gente teve muita dedicação, sabia que ia sofrer aqui. Foi uma vitória sofrida em um confronto direto. Foi uma vitória muito importante”, concluiu o camisa 5.