A poucos passos do grande objetivo na temporada, o Coritiba prega respeito ao Sport Recife, mesmo estando bem à frente dos demais competidores da Série B. No Alto da Glória, o confronto contra o Leão da Ilha é considerado decisão, pois pode antecipar ainda mais o retorno para a Primeira Divisão.

Por isso, a delegação viajou na quinta-feira, para evitar percalços pelo caminho, e o time mantém a forma de atuar. Só terá uma mudança na escalação, com Cleiton retornando à zaga. A partida começa às 16h, na Ilha do Retiro.

Para Cleiton, a reta final da Série B vai exigir ainda mais do Coritiba. “É jogo de decisão, de final, além de ser uma partida-chave, pois depois teremos dois jogos em casa.

Assim podemos, com seis ou sete rodadas de antecedência, confirmar o acesso. Esse jogo temos que ter concentração e não achar que já está conquistada a vaga”, avalia o zagueiro. Contra o América-RN, ele cumpriu suspensão automática e volta para reforçar a formação alviverde contra o Leão do Norte.

Se Cleiton vai ajudar a cozinha a não tomar gols, Leonardo estará na frente para tentar fazer e levar o time a mais uma vitória. Ele alerta para os perigos da competição.

“Abrimos sete pontos do segundo, mas você não pode vacilar, até porque sete pontos em um campeonato de pontos corridos, e com dez rodadas por vir, é pouco. Se perder, o pessoal já chega. Então, não podemos vacilar”, avisa o atacante.

O meio-campista Rafinha concorda. “É um jogo difícil, complicado. O Sport é uma equipe grande que sempre vai brigar para subir”, analisa. No entanto, o próprio Rafinha lembra do bom desempenho da equipe longe do Couto Pereira.

“Estamos fazendo bons jogos fora de casa e a gente sabe o jeito de jogar. É um jogo importante, por que um resultado positivo deixa um concorrente direto para trás e a gente mais próximo do nosso objetivo”, aponta.

Mesmo assim, o goleiro Edson Bastos vê o lado positivo de enfrentar outro grande. “É um jogo bom de se jogar. São duas equipe grandes, com a proposta da vitória. Será um jogo aberto, com as duas equipes buscando o gol a todo momento. Os atletas de qualidade podem definir a partida”, finaliza o camisa 1.