Apesar de ter dificuldades na reposição de peças de todas as posições do seu elenco, o Coritiba definiu sua prioridade para reforçar seu grupo. A diretoria corre contra o tempo para contratar mais um zagueiro para a sequência da disputa do Campeonato Brasileiro. O nome do zagueiro Émerson, que está no Botafogo e já defendeu o Coxa, entre 2011 e 2013, inclusive quando o técnico Marcelo Oliveira comandou o Verdão, é a bola da vez, mas há uma certa dificuldade do time carioca para liberar o jogador, pois está negociando outro zagueiro, Emerson Santos, com o Corinthians.

O diretor institucional do Coritiba, Ernesto Pedroso, admitiu a procura por um zagueiro e de preferência por um jogador que chegue em condições de atuar. O cartola ressaltou ainda o cuidado que a diretoria está tendo para não “estourar” o orçamento do clube, que, segundo ele, está no limite.

“Já era prioridade. Precisamos de no mínimo seis zagueiros para disputar o Campeonato Brasileiro. Hoje, temos três apenas à disposição e temos a responsabilidade muito grande de buscar mais um reforço. A despesa é cara, nosso orçamento está no ‘bigode’ e temos que tomar cuidado com isso. Temos ainda algumas coisas para ver. O útil é ter um jogador que esteja jogando e que se apresente para ficar, no mínimo, no banco de reservas. É para isso que estamos trabalhando”, apontou Pedroso, em entrevista à Rádio Banda B.

Confira a tabela completa do Brasileirão!

Depois de perder o zagueiro Juninho, ao final do Campeonato Paranaense, negociado com o Palmeiras, o Coxa contratou apenas o zagueiro Luizão, que veio do Londrina. Além dele, o técnico Marcelo Oliveira tem a sua disposição para a posição também Werley, Walisson Maia, Thalisson Kelven, Romércio e Geovane. Os dois primeiros, no entanto, estão no departamento médico.