O Coritiba espera acertar com o meia Jadson, 36 anos, nesta quarta-feira (5). A diretoria aguarda a rescisão do atleta com o Corinthians e agendou uma reunião no meio desta semana para selar o acordo.

Apesar do Coxa adotar a cautela na negociação, as partes se acertaram ainda no final da semana passada, conforme apuração da Gazeta do Povo/Tribuna do Paraná. Dessa forma, o único “entrave” era a saída do time paulista.

Na semana passada, o staff do jogador alinhou sua saída com o Corinthians, que deve rescindir amigavelmente e ainda pagar 70% do que ele tinha de direito em contrato – o vínculo é até o final do ano. O pagamento será feito em 24 vezes. A outra opção era o empréstimo, com o Timão pagando a maior parte dos salários, de aproximadamente R$ 325 mil.

O próprio Jadson, em suas redes sociais, já se despediu do Timão, clube que jogou nos últimos cinco anos, na semana passada. “A despedida não foi como eu gostaria, mas as pessoas passam e o que mais importa é que a instituição está acima de todos. Acredito que contribuí para enriquecer a maravilhosa história do Corinthians. De coração, obrigado por tudo”, diz o texto do meio-campista.

Quando confirmar a contratação, o experiente jogador será o 12º reforço do Coritiba para 2020. No setor, ele terá a concorrência de Thiago Lopes, Giovanni Augusto, Luiz Henrique e Matheus Bueno, além de Giovanni e Gabriel, que estão entregues ao departamento médico do clube.

Presente

Neste fim de semana, o empresário Marcos Malaquias publicou em suas redes sociais um vídeo em que uma criança dá uma camisa do Coritiba ao meio-campo Jadson, que já está na capital paranaense.

+ Mais do Coxa:

+ Barroca aposta em Sassá no Coritiba e ressalta qualidade do atacante
+ De volta ao Coritiba, meio-campo Ruy ganha nova chance
+ Assista aos gols da vitória do Coritiba sobre o Londrina