Com 11 gols assinalados com a camisa do Coritiba, Sabino fica na oitava colocação no ranking dos zagueiros artilheiros na história do clube, mas pode subir com facilidade de posições. São 75 partidas disputadas em dois anos no Coxa, média de uma bola no fundo da rede a cada 6,8 partidas. Com o contrato chegando ao fim, o defensor, caso permaneça, pode chegar em breve à quinta colocação, já que ainda restam 18 jogos para o fim do Brasileirão.

O zagueiro de 24 anos,balançou a rede cinco vezes em 2019 e seis neste ano, chegando a 11 gols marcados e igualando a marca de Duílio Júnior. No último domingo (8), foi de Sabino o gol de empate em 2 a 2 com o líder Internacional, que garantiu um importante ponto para o Coxa na briga contra o rebaixamento rebaixamento.

A liderança do TOP-10 é dividida de Pereira, com 23 gols, seguido por Emerson, com 21, e Zambiasi, com 18.

Pereira está no topo da lista. Foto: Arquivo.

Empréstimo chegando ao fim

Sabino veio ao Coritiba por empréstimo, do Santos, e chegou em janeiro de 2019. O contrato era válido até o fim da temporada passada, mas foi prorrogado por mais um ano após destaque do jogador, sobretudo no setor defensivo, mas também por sua ajuda principalmente nos gols em bolas paradas. A nova data limite do vínculo com o Coxa é o dia 31/12/2020. A diretoria já está em negociação para estender a permanência do atleta.

Aproveitamento do zagueiro pode render posições no topo

Em um cenário de projeção, o camisa 35 poderia chegar a 13 gols pelo Coritiba apenas ao fim Série A e ocupar o quinto lugar. Caso o contrato do jogador seja estendido e tenha validade por um período ainda maior, o zagueiro terá a chance de escalar ainda mais o ranking.

Para se ter uma ideia de como a média de aproveitamento de Sabino é alta, Luccas Claro, o último a entrar para a seleta lista, em 2016, somou 12 gols, mas em 178 jogos pelo Coxa, marca de um gol a cada 14,8 partidas, quase o dobro em comparação ao atual defensor.

Confira o ranking de zagueiros artilheiros do Coritiba:

1 – Pereira – 23 gols
2 – Emerson – 21 gols
3 – Zambiasi – 18 gols
4 – Oberdan – 16 gols
5 – Gardel – 14 gols
6 – Claudio Marques e Jeci – 13 gols
7 – Bequinha, Henrique e Luccas Claro – 12 gols
8 – Duílio Júnior e Sabino – 11 gols
9 – Leonardo, Leandro Almeida e Gralak – 10 gols
10 – Eduardo Tonetti, Vavá e Heraldo – 8 gols
*Fonte: Grupo Helênicos*

+ Mais do Coxa:

+ Padre fervoroso pelo Coritiba faz parte de chapa que quer comandar o clube
+ Coritiba pode ficar sem titulares até o fim do Brasileirão
+ Rodrigo Santana testa positivo pra Covid-19 e Pachequinho comanda Coritiba


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?