Campeão da Taça Dionísio Filho há uma semana, o Coritiba largou mal na Taça Caio Júnior ao ser goleado por 3×0 pelo Maringá, na tarde deste domingo, em pleno Couto Pereira. O técnico Sandro Forner manteve o planejamento de dar um descanso ao time titular e, sobretudo o sistema defensivo, ponto forte até agora comprometeu a equipe no embate contra o time do norte do Estado. Os zagueiros Alan Costa e Alex Alves estrearam neste compromisso e lamentaram a jornada ruim dentro de casa.

“Foi uma estreia ruim, com derrota e ainda 3×0 dentro de casa. Sei que o time precisa melhorar muito. São oito meses que eu não jogava uma partida oficial e estou feliz por conseguir terminar o jogo, mas não com o resultado. Vamos trabalhar durante a semana para buscar a perfeição”, apontou o zagueiro Alan Costa.

LEIA MAIS: Coritiba fracassa com os reservas e deixa mais dúvidas sobre o elenco

Os três gols tomados diante do Maringá comprovaram a fragilidade defensiva do Coritiba nas bolas aéreas. Nos dois gols do zagueiro Alex Fraga, o lateral Benítez, improvisado na ala esquerda, era o marcador, mas acabou falhando. Já no gol do baixinho Washington, a falha foi de posicionamento dos defensores do Verdão, já que o meia maringaense cabeceou sozinho entre os zagueiros Alex Alves e Alan Costa.

Anunciado no final de janeiro como novo reforço do Coritiba, o zagueiro Alex Alves fez a sua estreia ontem. Ele lamentou também as oportunidades desperdiçadas, sobretudo nos primeiros 20 minutos, mas dividiu as falhas com o restante dos jogadores.

“Saímos chateados. Fizemos o combinado no início da partida, pressionamos, mas não adianta pressionar e não conseguir fazer os gols. Tivemos as chances, mas não conseguimos. Atrás falhamos, não foi só a defesa, já que o setor ofensivo também ajuda nas bolas paradas. Quando ganha, ganha todo mundo, e quando perde, perde todo mundo. É esfriar a cabeça, está no início ainda e vamos agora buscar a recuperação e buscar acabar com o campeonato o mais rápido possível”, reforçou o defensor do Coxa.

Sofrimento

O retorno ao time titular também não foi como o goleiro Rafael Martins esperava. O arqueiro alviverde, sem ter culpa nos gols sofridos, ainda fez boas defesas quando foi exigido, mas lamentou o resultado negativo dentro do Couto Pereira. “Infelizmente não foi o que esperava. Agora é trabalhar nessa semana, fazer um bom jogo contra o Paraná e se recuperar dessa derrota”, concluiu o goleiro.

Confira a tabela e a classificação do Campeonato Paranaense!

O Coritiba, campeão da Taça Dionísio Filho, terá mais quatro jogos para buscar a classificação para a semifinal da Taça Caio Júnior. Se for campeão do segundo turno, o Verdão já garante o título do Estadual. A equipe de Sandro Forner vai tentar se recuperar no clássico contra o Paraná, nesta quarta-feira, às 21h45, na Vila Capanema.