Não é exatamente um novo começo, mas sim a metade final da maratona mais importante do Coritiba nos últimos anos. Neste sábado (31), o Coxa encara a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, em Campinas, na primeira partida do returno da Série B do Campeonato Brasileiro. São 19 jogos separando o clube do seu grande objetivo, o acesso para a primeira divisão.

O jogo entre Ponte Preta e Coritiba terá transmissão do SporTV para todo o Brasil, menos para a região de Campinas.

Subir para a Série A não significa apenas a recuperação do status que o Coritiba perdeu com más campanhas e o rebaixamento em 2017. Representa a salvação financeira, a garantia de que haverá condições financeiras para manter o clube funcionando. Com o abismo entre os valores pagos de direitos de transmissão entre as divisões, mais um ano na Série B seria trágico, com consequências imprevisíveis.

+ Leia mais: Coxa lança novos valores para planos de sócios

Portanto, o que é uma obsessão passa a ser também uma necessidade. Isso sem contar os desafios de cada atleta. Os mais veteranos, como Wilson e Rafinha, tem uma ligação tão íntima com o Coxa que optaram por disputar a Série B mesmo com mercado na primeira divisão. Os de ‘meia idade’, como Rodrigão, Alex Muralha e Robson, sabem que um acesso tem um impacto na carreira – tanto se ficarem no clube quanto se saírem. E os mais jovens, como Juan Alano e Romércio, esse novidade no jogo deste sábado, querem incluir seu nome nessa recuperação alviverde.

+ TRIBUNA ESTREIA SEU PODCAST DE FUTEBOL PARANAENSE! SAIBA COMO BAIXAR E OUVIR O PODCAST DE LETRA!

Assim também é para Umberto Louzer, o técnico do Coritiba. Desacreditado quando chegou, arriscado de perder o emprego é bancado pela diretoria, agora ele comanda o time que fechou o turno na vice-liderança e com cinco pontos de vantagem para o quinto colocado. O treinador vive um momento definitivo da carreira, e pode deixar de ser uma aposta, como foi tratado ao ser contratado pelo Coxa.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Louzer tem problemas para escalar o time para encarar a Macaca. Rafinha está suspenso e Robson está machucado – do trio ofensivo que se consolidou, apenas Rodrigão estará em campo. A boa notícia é o retorno de Thiago Lopes, que não enfrentou o Vitória. “O jogo será difícil, são duas grandes equipes. Mas vamos para lá buscar os três pontos, estudar a Ponte nos primeiros minutos, marcar em cima, mas sem esquecer de fazer o nosso jogo”, resumiu Romércio.

Ficha técnica

SÉRIE B
2º Turno – 20ª Rodada

PONTE PRETA x CORITIBA

Ponte Preta
Ivan; Arnaldo, Reginaldo, Renan Fonseca e Diego Renan; Edson, Camilo, Tiago Real e Rafael Longuine; Marquinhos e Roger
Técnico: Gilson Kleina

Coritiba
Alex Muralha; Diogo Mateus, Sabino, Romércio e William Matheus; Matheus Sales, Juan Alano e Giovanni; Thiago Lopes, Patrick Brey e Rodrigão.
Técnico: Umberto Louzer

Local: Moisés Lucarelli (Campinas-SP)
Horário: 16h30
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ) e Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ)