Após quatro derrotas fora de casa, o Coritiba quer conquistar os primeiros pontos longe do Couto Pereira para, enfim, acabar de vez com a pecha de “time de pijama”. Até aqui, o Alviverde se deu mal contra Corinthians, Botafogo, Cruzeiro e Grêmio. Hoje, encara o Bahia, às 16h, em Pituaçu, tentando acabar com o jejum como visitante.

Trata-se de uma situação que sempre gera questionamentos a respeito do potencial do Coxa. Por isso, o time terá os retornos do lateral-direito Jonas e do volante Leandro Donizete para buscar a primeira vitória como visitante no Campeonato Brasileiro. “Toda rodada que saímos para jogar se trabalha muito e a expectativa é sempre positiva no sentido de vitória, seja contra Bahia, Botafogo, Cruzeiro ou outra equipe. Ainda não foi possível, mas ela está próxima, porque estamos trabalhando muito nesse sentido”, avisa o técnico Marcelo Oliveira.

Por isso, o treinador nem se incomoda com as cobranças. “Futebol tem, a cada rodada, uma história. Quando estabelecermos a primeira vitória virá um outro tipo de questionamento. Isso faz parte e movimenta o futebol e não é uma preocupação”, avisa.

Mesmo assim, Marcelo Oliveira garante que o Coxa terá um empenho maior para superar o Tricolor de Aço e aspirar algo a mais na competição. “Temos a determinação para buscar essa vitória, porque só chega lá na frente quem tem bom aproveitamento em casa e fora. Se até aqui tivéssemos conseguido uns três empatezinhos fora poderíamos estar numa posição privilegiada”, lamenta.

Assim, contra o Bahia, o treinador garante que o time estará preparado para os percalços. “O Bahia tem um time experiente, com jogadores rodados. Tem um time veloz com o Jobson, dois laterais que passam muito e isso são situações que nós vamos nos prevenir”, promete. Sobre o fato de René Simões conhecer o Coritiba, Marcelo Oliveira afirma que isso não decisivo. “Se isso fosse uma coisa decisiva, ganharia do Atlético-MG com tranquilidade, porque eu fiquei lá quase 15 anos. As coisas mudam, a movimentação dos jogadores, a criatividade, a técnica de cada um, então não me preocupa muito isso”, minimiza.

No time, nada de grandes alterações. O volante Willian, vetado no início da semana pelo departamento médico para descansar, dá lugar para Leandro Donizete, que retoma a posição após se recuperar de lesão na panturrilha direita. Já na lateral-direita, Jonas está de volta após ser poupado contra o Fluminense. No restante do time, nenhuma alteração e a novidade no banco será a presença do meia Davi.

Ficha técnica

Série A – 1.º turno
11.ª rodada

Bahia: Marcelo Lomba; Marcos, Paulo Miranda, Titi e Ávine; Fahel, Marcone, Diones (Ricardinho) e Carlos Alberto; Jobson e Júnior (Reinaldo). Técnico: René Simões

Coritiba: Edson Bastos; Jonas, Pereira, Emerson e Eltinho; Leandro Donizete e Léo Gago; Tcheco, Marcos Aurélio e Rafinha; Bill.
Técnico: Marcelo Oliveira

Local: Pituaçu, em Salvador
Hora: 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Cleriston C. Barreto Rios (SE) e Marrubson Melo Freitas (DF)