O Coritiba segue voando na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira (13), o Alviverde venceu o Brasil de Pelotas por 2×0, no Couto Pereira, e manteve sua sequência de invencibilidade. Já são sete jogos consecutivos sem perder e agora o Coxa se firma na vice-liderança da competição, somando 29 pontos, apenas dois atrás do Bragantino, na primeira colocação.

+ Confira como foi o jogo no nosso Tempo Real!

Em um jogo com um domínio total do Coritiba em uma primeira etapa sem gols, mas de um segundo tempo que começou truncado, porém em que o time conseguiu resolver, o Coxa demonstrou a força que tem em casa e provou que poderá seguir na Segundona brigando pelo título.

Quando a bola rolou no Alto da Glória, pela o Alviverde mostrou naquele momento ser superior em campo, dominando a partida e criando mais oportunidades de gol. Rodrigão teve a chance de abrir o placar nos minutos iniciais, mas parou nas excelentes intervenções do goleiro Carlos Eduardo, responsável direto por fazer o marcador ficar zerado na maior parte do jogo. Com 21 minutos de partida, o camisa 9 coxa-branca recebeu um cruzamento vindo do lado direito e posicionado na entrada da pequena área cabeceou colocado, mas o arqueiro do time visitante conseguiu mandar para escanteio.

Robson e Ricardo Luz dividem sob o olhar de William Matheus. Foto: Jonathan Campos
Robson e Ricardo Luz dividem sob o olhar de William Matheus. Foto: Jonathan Campos

O Verdão parecia estar trabalhando com paciência em busca do gol, controlando o jogo a seu favor aguardando o momento certo para definir. Por outro lado, a estratégia dos visitantes era apostar nos contra-ataques e bolas paradas, já que não conseguia criar jogadas para avançar à área do Coxa com qualidade nos passes.

Mesmo apagado no confronto, o Brasil de Pelotas conseguiu criar uma ótima possibilidade de sair na frente aos 48 minutos. Cristian recebeu na pequena área, se livrou de um marcador, limpou o outro, mas finalizou em cima de Muralha, perdendo a melhor chance de todo o primeiro tempo. Rafael Grampola estava livre na esquerda e reclamou de não ter recebido o passe.

Na segunda etapa, o time xavante mostrou um pouco mais de domínio de jogo, mas sempre com a postura de tentar segurar o empate sem gols. A aposta era tentar valorizar a posse da bola e quando necessário abusar das faltas. Quando a partida parecia que ficaria truncada, sem grandes oportunidades para o Coxa, o gol que ajudou a construir a vitória saiu. Aos 17 minutos, em cobrança de falta de Juan Alano, Sabino chegou com velocidade na pequena área e de primeira estufou as redes.

+ Confira a classificação atualizada da Série B!

Com o placar aberto ficou mais fácil para o Coritiba jogar e Robson ampliou aos 32. Mostrando a força do trio ofensivo do Coxa, a jogada passou por Rafinha, na esquerda, que mandou para Rodrigão centralizado, e foi parar nos pés de Robson. O centroavante coxa-branca mostrou que não somente é matador, mas pode também contribuir sendo um importante ‘garçom’ do time.

O Coritiba volta a campo somente na próxima segunda-feira (19), em Barueri, diante do Oeste, pela 17ª rodada.

Ficha técnica

SÉRIE B
1º Turno – 16ª Rodada

CORITIBA 2×0 BRASIL-RS

Coritiba
Alex Muralha; Diogo Mateus, Rafael Lima, Sabino e William Matheus; Matheus Sales, Juan Alano e Giovanni (Rafinha); Thiago Lopes (Welissol), Robson e Rodrigão (Igor Jesus).
Técnico: Umberto Louzer

Brasil de Pelotas
Carlos Eduardo; Ricardo Luz, Leandro Camilo, Bruno Aguiar e Ednei; Leandro Leite (Elias) e Carlos Jatobá; Murilo Rangel, Diogo Oliveira e Cristian (Branquinho); Rafael Grampola (Rodrigo Alves).
Técnico: Bolívar

Local: Couto Pereira
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Marcyano da Silva Vicente (MG)
Gols: Sabino 17 e Robson 32 do 2º
Cartões amarelos: Juan Alano (CFC); Cristian, Ednei, Ricardo Luz (BRA)
Renda: R$ 234.474,00
Público pagante: 15.489
Público total: 16.854