O Coritiba devolveu a derrota na final do Paranaense do ano passado para o Operário com juros e correção. Comandado pelo atacante Kléber, o time coxa-branca goleou o Fantasma por 4×0, ontem à noite, no Couto Pereira, se recuperou no Estadual e subiu para a terceira posição na classificação. Em perseguição ao líder, Paraná Clube, o Verdão volta a campo na quinta-feira, mais uma vez no Alto da Glória, para enfrentar o Rio Branco, que no sábado venceu a primeira no campeonato.

Aproveitando o fato de jogar em casa, com o apoio da torcida, o Coritiba dominou todo o primeiro tempo. Com Dudu inspirado na criação das jogadas, o Coxa, apesar da retranca imposta pelo Operário, chegava a todo instante na meta do goleiro Silvio. E o primeiro gol não demorou a sair. Depois da cobrança de falta de Carlinhos, a defesa parou, Kléber e Luccas Claro dividiram com o goleiro e o gol foi anotado para o zagueiro alviverde, que substituiu Juninho, suspenso.

O gol alviverde fez o Fantasma subir a marcação. Mas o time dos Campos Gerais passou a dar mais espaços para o Verdão, que aproveitou para marcar o segundo aos 32 minutos. Leandro fez a jogada, Kléber recebeu na meia lua, bateu forte e contou com desvio para marcar. A pressão do time coxa-branca continuou. Aos 36, no mesmo lance, Dudu e Amaral por pouco não ampliaram. O terceiro gol veio ainda no primeiro tempo. Aos 42, depois de tabelar com Leandro, Dudu bateu colocado, acertou o ângulo e a bola bateu na trave antes de entrar. Ainda na etapa inicial, o Operário tentou reagir, mas o chute de Rafinha parou na trave do goleiro Wilson.

Segundo tempo

Com grande vantagem, o time coxa-branca voltou do intervalo mais resguardado. O Operário, sem ter muito o que fazer, tentou reagir, se abriu um pouco mais, mas não conseguiu furar o sistema defensivo alviverde. Na primeira investida do Verdão, o atacante Kléber protagonizou o lance mais bonito do jogo. Aos 21, depois do cruzamento de Ceará, o Gladiador mandou de bicicleta e marcou um golaço: 4×0.

Mesmo entregue, o Operário quase diminuiu três minutos depois, mas o chute de Perovic parou no travessão. Aos 28, Kléber quase marcou seu terceiro gol no jogo, mas depois da falha de Sosa, o camisa 83 chutou forte e Silvio fez grande defesa. Nos minutos finais, o Fantasma foi com tudo para o ataque. Aos 35, depois do chute cruzado de Lucas Batatinha, a bola desviou no meio do caminho e Wilson salvou. Mas quem terminou melhor foi o Verdão. Com muitos espaços, o time coxa-branca, nos minutos finais, acertou duas bolas na trave com Juan e Leandro e não conseguiu ampliar o placar no Couto Pereira.

Artilheiro

O atacante Kléber viveu uma noite especial, ontem, no Couto Pereira, na goleada por 4×0 sobre o Operário. Melhor jogador em campo, o Gladiador, além de ser importante no setor ofensivo alviverde, marcou mais dois gols, sendo um deles de bicicleta e se isolou na artilharia do Campeonato Paranaense. “É muito difícil um gol desse tipo, mas a gente fica feliz pelo resultado e da forma que jogou poderíamos ter feito mais gols no segundo tempo e o time todo está de parabéns”, comemorou o artilheiro.

Veja mais lances da goleada Alviverde!

Leia a opinião sempre polêmica de Mafuz! Amanhã colunista falará do Coxa!

Acompanhe a classificação atual da tabela do Paranaense 2016!