Pentacampeão alemão, o lateral-direito Rafinha voltou às origens. De férias do Bayern de Munique, o jogador vem treinando no CT da Graciosa e se preparando para defender a seleção brasileira nos amistosos contra Argentina e Austrália, que acontecerão em Melbourne, na Austrália, nos dia 9 e 13 de junho, respectivamente.

Aos 31 anos, Rafinha foi revelado pelo próprio Coritiba, de onde saiu em 2005, quando foi negociado com o Schalke 04, da Alemanha, por R$ 15 milhões. Naquela época, o lateral já chamava a atenção. Tanto que naquela temporada tinha disputado o Mundial sub-20 pela seleção brasileira. Depois, foi vendido ao Genoa, da Itália, antes de se transferir para o Bayern de Munique, onde está há seis anos.

A forte preparação é para agradar o técnico Tite, uma vez que a vaga de reserva de Daniel Alves para a Copa do Mundo de 2018. Rafinha não defendia a seleção desde 2014, quando foi convocado por Luiz Felipe Scolari na reta final da preparação para o Mundial daquele ano, quando ficou fora, perdendo a vaga para Maicon.

Depois, chegou a ser chamado por Dunga, que o tinha levado para as Olimpíadas de Pequim, em 2008, mas acabou rejeitando a convocação, alegando que tinha vontade de se naturalizar alemão. Agora, começa uma nova etapa com a amarelinha.

Confira a tabela de classificação do Campeonato Brasileiro!