Único representante do estado na disputa pelo Prêmio Craque do Brasileirão, o defensor Emerson, do Coritiba, ficou apenas com a terceira colocação na categoria “zagueiro pela esquerda”. O jogador ficou atrás de Leandro Castán, do Corinthians, e o grande vencedor, Rever, do Atlético-MG.

Na cerimônia realizada na noite da última segunda-feira, o Vasco recebeu mais premiações. Foram cinco troféus: o zagueiro Dedé faturou dois, Fagner foi eleito o melhor lateral-direito, Diego Souza levou como melhor meia direita e Cristóvão Borges recebeu o prêmio de melhor técnico do Brasileirão.

Confira abaixo os vencedores do Prêmio Craque do Brasileirão:

Craque do Brasileirão:

Neymar (Santos)

Goleiro:

1º – Jefferson (Botafogo)

Lateral-direito:

1º – Fagner (Vasco)

Zagueiro pela direita:

1º – Dedé (Vasco)

Zagueiro pela esquerda:

1º – Réver (Atlético-MG)

Lateral-esquerdo:

1º – Cortês (Botafogo)

Volante pela direita:

1º – Ralf (Corinthians)

Volante pela esquerda:

1º – Paulinho (Corinthians)

Meio-campo pela direita:

1º – Diego Souza (Vasco)

Meio-campo pela esquerda:

1º – Ronaldinho (Flamengo)

Atacante 1:

1º – Neymar (Santos)

Atacante 2:

1º – Fred (Fluminense)

Técnico:

1º – Ricardo Gomes/Cristóvão Borges (Vasco)

Revelação:

1º – Wellington Nem (Figueirense)

Árbitro:

1º – Leandro Vuaden (RS)

Craque da galera:

1º – Dedé (Vasco – 46% dos votos)