Atlético e Coritiba já se enfrentaram mais vezes este ano do que o torcedor que apenas acompanha as equipes profissionais possa imaginar. O duelo de amanhã, às 16h, na Vila Capanema, será o 16.º nesta temporada, contando também as categorias sub-15, sub-17 e sub-18, em torneios promovidos pela Federação Paranaense de Futebol. Na soma, o Coxa tem ampla vantagem: 8 vitórias contra 4 do Furacão, e mais 3 empates. É um retrospecto que contraria o atual momento de alviverdes e rubro-negros no Campeonato Brasileiro, onde os atleticanos são G4 e os coxas-brancas tentam evitar a sombra da ZR.

Na categoria profissional é onde mais houve clássicos este ano. O de amanhã será o sexto. Foram quatro pelo Campeonato Paranaense e um pelo 1.º turno do Campeonato Brasileiro. O Coritiba ganhou três, perdeu um, empatou outro e foi tetracampeão paranaense. Depois do profissional, o sub-15 e o sub-17 foram as categorias que mais tiveram confrontos este ano. Em cada uma delas houve quatro Atletibas. No sub-15, o Atlético levou a melhor: foi campeão em cima do rival, ganhando nos pênaltis por 5 x 3, após vitória por 1 x 0. No sub-17, o Coritiba eliminou o Furacão na semifinal e também foi campeão – a final foi contra o Paranavaí.

No sub-18 – competição que ainda está em andamento e que pode proporcionar mais Atletibas -, ocorreu o placar mais elástico do ano: 4 x 1 para o Coritiba. Os dois clubes já se enfrentaram duas vezes, com uma vitória para cada um. O único torneio da Federação Paranaense de Futebol que não teve um clássico Atletiba foi o sub-20. Mas não porque os dois ainda não tenham se enfrentaram, e sim pelo fato de o Rubro-Negro não contar com um time nesta categoria – o sub-20 do clube foi transformado em sub-23, que disputou o Campeonato Paranaense. O triangular final desta categoria envolve Coritiba, Pato Branco e Roma Apucarana. Com um jogo a menos, o Coxa é o líder.

No geral

Contabilizados todos os Atletibas disputados pela categoria adulta, esse é o clássico numero 358. Até aqui, a vantagem é coxa-branca. Foram 137 vitórias do Alviverde, 110 empates e outros 110 triunfos do Rubro-Negro. Nas 357 partidas disputadas até hoje, aconteceram 1.034 gols, com 545 marcados pelo Coxa e 489 pelo Furacão.