O sábado (12) era de festa no Couto Pereira. Dia com um bonito sol, feriado por conta do dia das crianças e, principalmente, o aniversário de 110 anos do Coritiba. Todos os caminhos levavam ao Alto da Glória para o confronto contra o Criciúma. Porém, apesar de o time estar na briga pelo G4, nem todos os coxas-brancas depositaram confiança.

Apesar da promoção do clube com ingresso a R$ 5, pouco mais de 18 mil pessoas foram ao estádio empurrar o Alviverde na vitória por 1×0 sobre o Tigre. E os que estiveram presentes, se dividiram em muitos momentos entre apoiar, reclamar, incentivar e vaiar. No final, a paixão falou mais alto e, após o apito final, a comemoração tomou conta do Couto Pereira.

A festa estava toda preparada antes mesmo de a bola rolar, com o hino do Coritiba sendo tocado ao som de guitarra e piano, 110 crianças entrando em campo com os jogadores e balões verde, branco e amarelo soltos para celebrar a data. Porém, faltou a equipe fazer a parte dela no gramado.

Um Coxa tenso, não conseguindo atacar, errando passes e dando espaço para o Criciúma levar perigo. Era isso que a torcida presenciava e lhe tirava do sério. Tanto que com menos de dez minutos já surgiram as primeiras vaias. O primeiro tempo, aliás, dividiu muito os torcedores, que até tentavam empurrar o Verdão, mas em seguida já vinham as críticas por alguma falha. Tanto que o time foi para o intervalo debaixo de vaias.

Torcida se dividiu entre apoiar e cobrar o Coxa durante o jogo, mas depois clima foi de pura festa. Foto: Jonathan Campos
Torcida se dividiu entre apoiar e cobrar o Coxa durante o jogo, mas depois clima foi de pura festa. Foto: Jonathan Campos

O clima só melhorou na etapa final, quando o Coritiba mudou sua postura e foi pra cima. Quando Rodrigão foi acionado e entrou, quase que simultaneamente com a expulsão de Foguinho, do Criciúma, aí o estádio veio abaixo e levou o Coxa à vitória, que veio com gol de Robson. Foi a cereja do bolo para um dia de festa.

Aí sim os coxas-brancas deixaram para trás os erros e a tensão. A vitória mudou o ambiente. E assim que acabou a partida, os torcedores fizeram as pazes com os jogadores, que foram até as arquibancadas comemorar junto e celebrar a vitória e o aniversário do clube, com direito até a ‘Parabéns pra você’.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Uma festa completa, que, como qualquer celebração, teve seus atritos no meio do caminho, mas que mostrou que o Alviverde pode contar com sua torcida para, definitivamente, retomar o caminho da briga pelo G4 e, ao final de novembro, poder fazer uma nova comemoração, desta vez com a volta à Série A.

Jorginho comemorou a vitória com a torcida e fez questão de levar o elenco para agradecer o apoio das arquibancadas. Foto: Jonathan Campos
Jorginho comemorou a vitória com a torcida e fez questão de levar o elenco para agradecer o apoio das arquibancadas. Foto: Jonathan Campos