Uma postagem do ex-presidente do Coritiba, Vilson Ribeiro de Andrade, na sua conta pessoal do Facebook, abriu uma mobilização de parte da torcida pedindo o retorno do dirigente para concorrer às eleições do clube no final deste ano. A mensagem postada foi bastante enigmática e abriu a discussão de um possível retorno do cartola para o pleito, que acontece em dezembro.

A mensagem foi feita momentos depois de o Coritiba perder para o Botafogo por 3×2, na tarde do último domingo (24), no Couto Pereira. O resultado deixou o Verdão afundado na zona de rebaixamento e na penúltima colocação no Campeonato Brasileiro.

“Minha filha e minha amada neta. Temos um destino a cumprir. Amamos e lutamos pela felicidade. Jamais vamos desistir. Minha neta, assim como meus filhos, nasceram coxa-branca e morreremos amando esse clube. Eternamente”, disse Vilson Ribeiro.

Depois da postagem feita pelo ex-presidente, as manifestações foram muitas pedindo o seu retorno. No cargo entre 2012 e 2014, ele concorreu à reeleição no último pleito, mas acabou perdendo para a chapa Coxa Maior, do atual mandatário alviverde, Rogério Portugal Bacellar. Prova também a insatisfação do torcedor com a atual administração que, nos últimos três anos, apenas lutou contra o rebaixamento no Brasileirão.

“Volta Vilson Ribeiro De Andrade, o Coritiba e nós torcedores precisamos de sua sabedoria, do seu amor em relação a essa instituição, chega de amadorismo, chega desses empresários que só querem ganhar dinheiro em cima do nosso clube, estamos cansados de ser somente coadjuvantes, sabemos que o Coritiba e Nós torcedores merecemos mais”, postou um dos torcedores.

O prazo para as inscrições das chapas ocorre até o início de novembro, um mês antes das eleições. Até agora, há a confirmação de apenas uma chapa, que é liderada por Paulo Thomas de Aquino, que, inclusive, já foi dirigente do clube, quando foi vice-presidente justamente de Vilson Ribeiro.

Vale lembrar que o ex-presidente atualmente é o presidente da Agência de Fomento do Paraná.