O Coritiba apresentou oficialmente nesta quinta-feira (06) o volante Escobar. O jogador chega com um curto contrato até o dia 30 de novembro e vem do Cuiabá, time que conquistou o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro de 2019. Escobar chegou ao Alviverde por indicação do técnico Tcheco, e ainda que a posição já conte com alguns nomes já fixos, a função que o jogador pode desempenhar ainda estava carente de atletas de acordo com o diretor de futebol Paulo Pelaipe.

LEIA MAIS: Cartola diz que time chegou em “dia D” para contratações

“Pode ter alguns volantes no clube, mas a comissão técnica entendeu que precisava desse jogador de proteção da área. Nós trouxemos porque essa solicitação do treinador achando que poderia nos ajudar. Temos alguns jogadores lesionados, outros com cartões, e precisávamos de um atleta específico de proteção da zaga”, detalhou Pelaipe.

DESAFIO: Próximo objetivo do Coritiba é conseguir três vitórias seguidas

O novo camisa 26 garantiu que mesmo que tenha sido contratado para “blindar” a defesa, pode contribuir na armação das jogadas. “Sou um primeiro volante, mais de marcação e dou proteção para a zaga. Não fico apenas nessa função de marcar, saio também para o jogo, até porque o futebol moderno exige isso. Tento encostar também no pessoal lá na frente para ajudar”, falou Escobar.

MELOU? Negócio entre São Bento e Kléber Gladiador fica ameaçado

O volante chegou animado com a possibilidade de conquistar dois acessos em um mesmo ano. “Seria maravilhoso mais um acesso, porque meu ano tem sido muito bom. Fui campeão estadual invicto, tive minha filha, que está com três meses, o acesso para a Série B e agora, vindo para cá, o objetivo é subir”, disse o recém-chegado, impressionado com o clube que agora vai defender.

Confira a tabela e a classificação da Série B!

“A equipe tem uma estrutura muito grande, que, particularmente vivenciei poucas vezes. Espero me entregar ao máximo e dar a minha vida para que a gente possa subir”, finalizou o atleta.