O técnico Jorginho criticou a declaração do presidente do Vitória, Paulo Carneiro, sobre uma possível ‘mala branca‘ para os jogadores do time baiano na partida contra o Coritiba, neste sábado (30), às 16h30, no Barradão, pela última rodada da Série B.

“Eu não queria nem falar do presidente, que eu respeito muito. Mas é uma declaração infeliz que não poderia de forma nenhuma ser exposta desta maneira. Lamentável isso acontecer”, criticou o treinador.

O Vitória já está com a permanência garantida na Série B e não briga por mais nada nesta 38ª rodada, enquanto o Coxa precisa de um simples empate para garantir o retorno à elite do futebol brasileiro. América-MG e Atlético-GO também brigam pelas duas vagas restantes para o acesso. Por isso, os adversários, principalmente o Dragão, que está fora do G4 no momento, teriam interesse em um tropeço do Alviverde.

+ Confira a classificação completa da Série B!

Como o rubro-negro baiano está com dois meses de salários atrasados, Carneiro disse que se fosse jogador, aceitaria uma ajuda financeira dos rivais do Coritiba nesta briga pela vaga na Série A para dificultar a vida dos paranaenses no sábado.

“Eu acredito que tanto os nossos jogadores quanto os deles são profissionais. Acredito que todos vão entrar para vencer. Independente se estão com salários atrasados ou não”, finalizou Jorginho.

+ Mais do Coxa:

+ Coritiba está contando as horas pro jogo mais importante do ano