Já livre do rebaixamento, o Coritiba pode ser o fiel da balança na luta contra a queda para a segunda divisão entre Internacional e Vitória. Apesar da necessidade do time baiano somar pontos contra o Coxa, nesta segunda-feira (28), às 20h, no Couto Pereira, e de parte da torcida alviverde pedir para que o Verdão entregue a partida para o adversário, sobretudo pelas polêmicas envolvendo o colorado gaúcho, os jogadores garantiram força total para conseguir os três pontos neste penúltimo compromisso pelo Campeonato Brasileiro.

Além de manter o bom momento no Brasileirão, o Verdão vai buscar vencer o Vitória para seguir na briga por uma das vagas na Copa Sul-Americana. “Isso é coisa da torcida. A gente tem que fazer o nosso papel, jogar e buscar a vitória. A gente quer a classificação para a Copa Sul-Americana e o que acontecer vai acontecer”, apontou o meia Yan Sasse.

O jovem meia alviverde, natural de Porto Alegre e torcedor do Grêmio na infância, não entrou em polêmicas e admitiu que o rebaixamento do Internacional dependerá apenas do time gaúcho. “Era gremista quando criança”, admitiu Yan Sasse. “O rebaixamento ou não vai depender deles e não de mim”, despistou.

O lateral-direito Dodô, que vive a expectativa de ser convocado para disputar o Campeonato Sul-Americano Sub-20 pela seleção brasileira, também deixou a polêmica de lado e garantiu o Verdão fortalecido para o duelo contra o Vitória e na briga por uma vaga na Copa Sul-Americana do ano que vem.

“Eu nem estava sabendo, mas depois que os jogadores começaram a falar que o Inter precisa que o Vitória perca para a gente. Mas a gente vai com vontade e com espírito de ganhar mais três pontos. Os dois últimos jogos podem dar a vaga para a gente na Sul-Americana. A gente vai entrar para buscar a vitória”, reforçou Dodô.

Depois de cumprir suspensão e de defender a seleção brasileira sub-20 em dois amistosos no México, Dodô deve ser titular do time alviverde diante do Vitória, segunda-feira, no Couto Pereira. Com isso, Walisson Maia, que atuou improvisado contra o Flamengo, deve deixar a equipe contra o rubro-negro baiano.