O empate em 1×1 diante do Vitória, na noite de terça-feira (27), no Couto Pereira, foi lamentado pelo técnico Umberto Louzer, que, apesar do resultado, gostou da atuação da equipe. E não é para menos, já que o Coritiba dominou a partida e criou grandes chances. Assim, o desempenho durante os 90 minutos foi elogiado pelo treinador, que pontuou a falta de capricho na conclusão das jogadas como fator principal para o time não sair de campo com os três pontos.

+ Leia também: Time e torcida seguiram mesma sintonia no Couto Pereira

“A gente fica feliz por aquilo que planejamos, a construção na saída de bola. Tivemos repertório ali para tirar o encaixe da defesa do adversário. É só ver o tanto de chances que criamos. O Vitória vinha há quatro jogos sem sofrer gols, estudou bastante nosso time. Fomos eficientes, conseguimos as movimentações, que geraram oportunidades, mas faltou um capricho maior para traduzir em gols tudo aquilo que criamos para conseguir os três pontos”, avaliou Louzer.

+ Mais na Tribuna: Empate em casa tem gosto amargo pro Coritiba

O treinador também comentou sobre a situação do meia Giovanni, pretendido pelo Goiás. A negociação está em andamento, mas comandante alviverde já avisou a diretoria da importância do camisa 10 para o time. Diante do próprio Vitória, o armador foi um dos melhores em campo.

“O Giovanni é um atleta que tem poder de decisão, tem qualidade, experiência na Série B. Subiu com o Goiás no ano passado sendo destaque. Nesse ano algumas lesões atrapalharam. É algo que está sendo resolvido internamente. Antes do jogo me passaram a situação. Me passaram que o atleta tem contrato e permanece aqui. Eu falo da parte técnica e é um jogador que acrescenta. Passei isso para o Rodrigo (Pastana) e para o presidente‘, finalizou.

+ Confira a classificação completa da Série B!

O Coxa terminou o primeiro turno da Série B na vice-liderança com 34 pontos, cinco atrás do Bragantino. Mas vive seu melhor momento agora, com dez jogos de invencibilidade e sustenta uma posição consolidada dentro do G4 da Segundona.