O Coritiba pode anunciar hoje oficialmente a contratação de Marcelinho Paraíba, mas não é porque ele vai ganhar mais de R$ 100 mil que terá lugar garantido na equipe.

Quem garante é o técnico Ivo Wortmann, que já avisou que vai entrar em campo como titular aquele que produzir mais e que Renatinho, pelo que vem jogando, não sai.

Mesmo que o garoto revelado na base ganhe menos de 5% do que o reforço a ser apresentado pelos dirigentes. “Joga quem estiver produzindo”, avisa o treinador alviverde, que comemora a possível chegada daquele que pode ser o presente coxa no centenário.

“Ninguém joga oito anos na Alemanha de graça. Acompanhei ele no Grêmio, jogou muito lá, jogou muito também no São Paulo. É um jogador que, acima de tudo, faz gol. Não é um jogador de área, mas eu não tenho preferência em jogar com um “9’ de área ou com dois atacantes”, analisa Ivo.

Mas e a questão salarial pode atrapalhar o rendimento dos demais atletas do elenco? “Cada pessoa tem o seu valor e o valor tem a ver com o histórico, o currículo, pelo tempo de trabalho, pela qualidade do profissional e acho que o futebol é fácil de entender. Esse tipo de ciumeira não existe”, garante.

Mesmo assim, vai ser uma diferença muito grande entre uma estrela internacional como Marcelinho e alguns jogadores egressos da base, que ganham bem menos. “O problema não é meu. Eu sou pago para privilegiar aquele jogador que está produzindo no momento. Pode chegar quem chegar. Por isso eu não vou tirar o Renatinho no momento em que ele está”, destaca o treinador.

Ele até dá um exemplo. “O Ramom está aí e vai ter que aguardar um pouquinho e assim é com qualquer jogador porque no momento em que eu privilegiar aquele jogador que ganha mais, o mundo dá voltas e eu posso precisar daquele que me ajudou antes”, pondera.

Assim, por enquanto, pratas-da-casa como Renatinho podem ficar mais tranquilos. “O salário não escala ninguém, o que escala é a produtividade, pelo menos é a minha forma de ver”, completa.

Hoje, enquanto o time se apresenta no CT da Graciosa para o treinamento apronto para a partida contra o J. Malucelli, às 15h45 de domingo no Janguitão, a diretoria poderá acertar a contratação de Marcelinho.

Ontem, ele rescindiu o contrato com o Flamengo e, agora, acerta os últimos detalhes com o Coritiba. É possível, inclusive, que ele já se apresente no Alto da Glória para os exames de praxe.