Primeiro colocado com sobras no Campeonato Paranaense, o Coritiba avisa que nem pensa em poupar jogadores no Estadual para priorizar a Copa do Brasil. Assim como quer o bicampeonato estadual, o Alviverde também espera fazer mais uma grande campanha na competição nacional, mas sem privilegiar um ou outro torneio.

Nem o fato de praticamente descansar e jogar, com pouco tempo para treinamentos, faz com que o pensamento mude no Alto da Glória. Por isso, amanhã, contra o Rio Branco, o Coxa promete mais uma vez força total para buscar a 17.ª vitória seguida.

Segundo o técnico Marcelo Oliveira, somente um jogador será poupado se a comissão pressentir que pode acontecer uma lesão. “Como foi o caso do Bill, que estava muito bem (contra o Atlético-GO), mas vinha de uma lesão recente.

No campo molhado, a gente resolveu tirar”, explica o treinador, dizendo o motivo pelo qual prefere não preserbar ninguém. “Na revisão a gente faz uma avaliação de todos, mas é difícil isso [de poupar] porque os jogos são decisivos e precisamos buscar uma maior pontuação nessas partidas que faltam do Paranaense”, aponta.

Por isso, o Leão da Estradinha e outros adversários nem devem se animar, pois vão encarar um Coxa completo. “Em princípio, creio que dá forma que está nem os jogadores querem sair também. Tem que ter um certo cuidado, mas temos que ter um time sempre repetido para que a gente possa entrosar cada vez mais”, complementa Marcelo.

Para amanhã, ele terá o retorno do zagueiro Pereira, que foi liberador pelo departamento médico. No entando, Eltinho dificilmente terá condições de jogo e Marcos Aurélio permanece no estaleiro. O treino apronto acontece pela manhã no CT da Graciosa e na sequência a delegação já entra em regime de concentração.